• Busque fornecedores, produtos e matérias

Produto indisponível

O produto que você buscou se encontra indisponível no momento.

> > > > Conheça os cuidados para instalação de painéis de ACM em fachadas

Conheça os cuidados para instalação de painéis de ACM em fachadas

Para garantir o acabamento visual esperado e a alta durabilidade do revestimento, é preciso atenção desde as etapas iniciais, como no transporte e armazenamento das peças na obra

Redação Portal AECweb / e-Cosntrumarket

fachada-com-ACM-cinza
Os painéis de ACM se destacam por serem dobráveis, o que permite o revestimento de estruturas cilíndricas e pilotis (foto: F-Stop boy / shutterstock)

Aliando estética e alta durabilidade, os painéis de ACM (Aluminum Composite Material) são bastante comuns na composição de fachadas. Apesar de geralmente estarem presentes em projetos comerciais, eles também têm espaço em outros tipos de empreendimentos, como obras de retrofit. Por ser dobrável, o material pode recobrir estruturas cilíndricas e pilotis.

Veja no Portal AECweb como especificar painéis de ACM para fachadas comerciais

E mais: Fornecedores de fachadas de alumínio composto

As peças são leves e compostas por duas chapas de alumínio que envolvem um núcleo de polietileno de baixa densidade. A espessura do conjunto está diretamente relacionada com seu índice de atenuação sonora e térmica, ou seja, os painéis mais espessos são aqueles que melhor contribuem para o conforto do ambiente interno. Já o comprimento e a largura variam de acordo com as particularidades de cada projeto.

Para garantir o alinhamento da solução na fachada, proporcionando o acabamento esperado, e eliminar a ocorrência de problemas futuros, é fundamental que a instalação dos painéis seja executada da maneira correta. Apesar de a atividade ser simples, ter atenção na montagem do sistema evita retrabalhos e perdas financeiras. O manuseio cuidadoso das peças começa antes mesmo da aplicação, sendo necessário já na etapa de logística.

TRANSPORTE E ARMAZENAMENTO

O ideal é que os painéis de ACM sejam enviados para o canteiro quando a obra já estiver na fase de acabamento
Fabiana Kubota Loiola

“O ideal é que os painéis de ACM sejam enviados para o canteiro quando a obra já estiver na fase de acabamento”, recomenda a arquiteta Fabiana Kubota Loiola, sócia-diretora da Arqtec. Walter Macatrozzo, diretor e sócio-fundador da Wallbond System, concorda com a afirmação. “A não ser que exista local adequado, isolado e fechado para o armazenamento, as peças devem ser entregues o mais próximo possível do momento de sua instalação”, diz.

As placas precisam ser guardadas na posição horizontal e colocadas sobre paletes, evitando que encurvem ou empenem. O material chega ao canteiro revestido por um filme, que só deve ser retirado depois que estiver devidamente instalado. “Manter essa proteção é importante para garantir que não aconteça nenhum tipo de dano durante o manuseio dos painéis pela obra”, ressalta Kubota.

TAMANHO DAS PEÇAS

Para garantir que os painéis sejam entregues com as dimensões adequadas, é realizada previamente uma verificação in loco da fachada. “Se o vão tem 10 m, por exemplo, conferimos essa medida para dividirmos as chapas igualmente ou para atender exatamente o que o projeto pede, respeitando integrações com caixilhos ou modulações especiais. Os tamanhos a serem atendidos são sempre conferidos antes da produção do material”, comenta Kubota.

Em geral, os painéis são usinados com o uso de máquinas CNC de alta precisão; com isso, raramente chegam ao canteiro com dimensões erradas. Quando eventuais ajustes forem necessários, devem ser realizados dentro da indústria. “Em casos muito específicos e usando as ferramentas adequadas, é possível fazer pequenos cortes e dobras nas peças. Já a conformação no canteiro não é aconselhável”, afirma Macatrozzo.

INSTALAÇÃO

O procedimento de instalação dos painéis de ACM é bastante fácil e começa com a fixação das estruturas auxiliares na fachada da edificação, sendo que a malha é criada de acordo com a modulação do projeto. Essa estrutura é metálica e, de preferência, em alumínio. “Também existe a opção pelo metalon, porém é um material de qualidade inferior. Por isso, sempre recomendamos o alumínio”, destaca Kubota.

A estrutura deve ser presa sempre de maneira aprumada e nivelada. “Fixá-la da maneira adequada é fundamental para garantir o correto encaixe das peças”, fala Macatrozzo. Com o apoio metálico pronto, começa a colocação das bandejas já conformadas. “Para prendê-las são usadas presilhas. Esses materiais são rebitados nas abas dos painéis e parafusados na estrutura auxiliar”, complementa.

Caso a fachada seja vedada, o próximo passo é a aplicação de silicone no encontro entre os painéis. É recomendada a utilização de gabarito nessa etapa, garantindo que a linha criada seja regular e uniforme. “O silicone precisa sempre ser de boa qualidade”, informa Kubota, indicando que o último passo do procedimento de instalação é a retirada do filme protetor que envolve as peças.

Kubota destaca, ainda, que, na usinagem, a solução é dobrada, cortada e recebe todos os acessórios. As cantoneiras também são rebitadas na indústria. “Assim, quando chega ao canteiro, sua instalação acaba sendo simplificada”, fala. Além desse procedimento mais tradicional, outra maneira de aplicar os painéis de ACM é no sistema ventilado — que tem uma camada de ar entre a fachada e as placas.

“No sistema ventilado, as peças são montadas em uma estrutura diferente e não recebem vedação”, comenta Macatrozzo. Nesse caso, a alvenaria precisa ser impermeabilizada para evitar infiltrações. Também é recomendada a anodização dos componentes da estrutura auxiliar e que os pinos e parafusos sejam fabricados com aço inoxidável.

EQUIPE TÉCNICA

É indispensável o uso dos equipamentos de proteção individual (EPIs), como travas e cintos de segurança
Walter Macatrozzo

A equipe que executará a instalação deve ser treinada e capacitada para a realização de trabalhos em altura. “É indispensável o uso dos equipamentos de proteção individual (EPIs), como travas e cintos de segurança”, ressalta Macatrozzo, indicando que são empregados andaimes fachadeiros ou balancins (elétricos ou manuais) para levar os operários até o ponto onde as peças serão fixadas.

Os profissionais também devem ter cuidado para não machucar as placas, afinal, o ACM é delicado. “O instalador precisa ter atenção com a malha da estrutura auxiliar. A montagem deve ser feita de acordo com as medidas do projeto, para garantir o alinhamento da fachada e também que as juntas entre uma peça e outra sejam sempre uniformes. Desde a estrutura auxiliar é necessário o máximo de precisão”, finaliza Kubota.

Leia também: Fachadas demandam manutenção atenciosa

Colaboração técnica

Fabiana-Kubota-Loiola
Fabiana Kubota Loiola — Graduada em Arquitetura e Urbanismo, é sócia-diretora da Arqtec.
Walter-Macatrozzo
Walter Macatrozzo — Sócio-fundador da Wallbond System.
Gostou deste conteúdo? Cadastre-se para receber gratuitamente nossos boletins.

Complete seu cadastro