• Busque fornecedores, produtos e matérias

Produto indisponível

O produto que você buscou se encontra indisponível no momento.

> > > > Cláusula anticorrupção pode ser incluída em seguro de licitantes

Cláusula anticorrupção pode ser incluída em seguro de licitantes

Conclusão foi tomada por meio de consulta ao TCU. Órgãos públicos podem aceitar seguro, caso a ilegalidade tenha sido causada pelo segurado ou seu representante

Texto: Yuri Soares

Conclusão foi tomada por meio de consulta ao TCU. Órgãos públicos podem aceitar seguro, caso a ilegalidade tenha sido causada pelo segurado ou seu representante


Consulta foi realizada após algumas seguradoras terem alegado diversas ocorrências de corrupção envolvendo agentes públicos (Créditos: FrameAngel/ Shutterstock)

18/07/2019 | 09:03 - Uma análise de consulta ao Tribunal de Contas da União (TCU) concluiu que órgãos e entidades públicas federais podem aceitar, sob algumas condições, apólice de seguro, apresentada por licitantes, que não indenize prejuízos causados por corrupção.

Formulada pelo Tribunal Superior do Trabalho (TST) e pelo Conselho Superior da Justiça do Trabalho (CSJT), a consulta foi realizada após algumas seguradoras terem alegado diversas ocorrências de corrupção envolvendo agentes públicos. A situação levou as seguradoras a inserirem nas apólices cláusulas referentes a atos que violam as normas anticorrupção.

Conforme a análise, as cláusulas inseridas têm amparo do código civil, desde que o ato de corrupção tenha sido causado pelo segurado ou seu representante. Caso a ilegalidade tenha sido provocada exclusivamente pelo contratante do seguro ou seu representante, os órgãos públicos deverão recusar a apólice.

Segundo o relator do processo, ministro Raimundo Carreiro, “o seguro-garantia não é um contrato de seguro tradicional, tem algumas características também da fiança onerosa e sua disciplina se dá por entidade especializada no assunto, a Superintendência de Seguros Privados (Susep)”.

Gostou deste conteúdo? Cadastre-se para receber gratuitamente nossos boletins.

Complete seu cadastro