• Busque fornecedores, produtos e matérias

Produto indisponível

O produto que você buscou se encontra indisponível no momento.

> > > Renovação da concessão da Malha Paulista é aprovada pela ANTT

Renovação da concessão da Malha Paulista é aprovada pela ANTT

Medida prorroga concessão ferroviária por mais 30 anos. Proposta passará agora pela análise do Ministério dos Transportes, Portos e Aviação Civil (MTPAC)

Texto: Yuri Soares

Medida prorroga concessão ferroviária por mais 30 anos. Proposta passará agora pela análise do Ministério dos Transportes, Portos e Aviação Civil (MTPAC)


Com mais de dois mil quilômetros de extensão, a rede de ferrovias Malha Paulista é o principal corredor de exportação agrícola do país (Créditos: divulgação/ Governo do Estado de São Paulo)

11/09/2018 | 16:35 - Foi aprovada pela Agência Nacional de Transportes Terrestre (ANTT) a proposta de prorrogação antecipada da concessão da Malha Paulista, rede de ferrovias pertencente à empresa de logística Rumo. A medida renova a concessão ferroviária por mais 30 anos, permitindo sua extensão até 2058.

O projeto passará agora pela análise do Ministério dos Transportes, Portos e Aviação Civil (MTPAC). Após esta etapa, será analisado pelo Tribunal de Contas da União (TCU), que terá um prazo de 75 dias para avaliação do documento e mais 15 dias para o julgamento.

A ANTT informou que, em troca da renovação, a Rumo deverá investir aproximadamente R$ 4,7 bilhões nas ferrovias. Em nota, a empresa disse que “o aporte da renovação será direcionado a duplicações de trechos, modernização das vias, ampliações de pátios e obras diversas que reduzirão os impactos urbanos nas cidades por onde os trilhos passam. Também serão reativados dois importantes ramais no estado de São Paulo: o Pradópolis-Barretos-Colômbia, e o Bauru-Tupã-Panorama. Os principais investimentos devem ser feitos nos cinco primeiros anos”.

A rede de ferrovias Malha Paulista possui mais de dois mil quilômetros de extensão, sendo o principal corredor de exportação agrícola do país.

Gostou deste conteúdo? Cadastre-se para receber gratuitamente nossos boletins.

Complete seu cadastro