• Busque fornecedores, produtos e matérias

Produto indisponível

O produto que você buscou se encontra indisponível no momento.

> > > ULMA utiliza Balanço Sucessivo CVS em pontes sobre o Rio Pinheiros

ULMA Construction

ULMA utiliza Balanço Sucessivo CVS em pontes sobre o Rio Pinheiros

Obra faz parte da Operação Urbana Água Espraiada, com reestruturação da malha viária local


O projeto Operação Urbana Água Espraiada realizado na capital paulista vai amenizar o trânsito intenso que acomete diariamente a região das avenidas Chucri Zaidan, João Dias e imediações da Marginal Pinheiros. Trata-se de uma série de obras viárias, ambientais e sociais em andamento na região, como o prolongamento da Av. Chucri Zaidan em 3.250 metros até a Av. João Dias, incluindo 2.600 metros de alargamento em nível e 880 metros de vias subterrâneas em túnel, com quatro faixas de rolamento em cada sentido.

Duas pontes estão sendo construídas sobre o Rio Pinheiros: uma na altura da Rua Laguna terá sentido único com 360 metros de extensão, ciclovia e passarela para pedestres; outra terá 340 metros, também com sentido único, para ligar a avenida Doutor Chucri Zaidan à Rua Itapaiúna. “O objetivo é amenizar o trânsito caótico de veículos na região do Morumbi e Paraisópolis, dando fluidez por essa readaptação da estrutura viária”, ressalta o gerente operacional da Odebrecht Infraestrutura, engenheiro Paulo Oliveira.

Desafio

Oliveira explica que entre os principais desafios estava a construção de dois pilares centrais para sustentar as pontes, o que exigiria a aplicação de uma frota fluvial com balsas, guindastes, martelos, entre outras estruturas, dando maior sequência operacional ao projeto, o que não era viável. “Além disso, outros desafios são solo de baixa qualidade, trânsito intenso na região e restrição de espaço para execução das obras”, acrescenta o engenheiro.

Solução

Para evitar escoramentos e agressões ambientais, a Odebrecht Infraestrutura optou por utilizar o sistema de Balanço Sucessivo CVS da ULMA Construction. “A rapidez proporcionada pelo sistema hidráulico de movimentação é uma das grandes vantagens desse sistema, o que gera economia na obra sem impactar no meio ambiente”, informa Paulo Oliveira.

Além disso, em razão da baixa qualidade do solo, do rio abaixo das obras, das pistas da Marginal Pinheiros e da restrição de espaço, a Odebrecht está utilizando variadas soluções de escoramento. “Graças à rapidez proporcionada pelo sistema hidráulico do Balanço Sucessivo CVS e à agilidade do sistema de fôrmas da ULMA, estamos obtendo cerca de 30% de economia”, conta o engenheiro da Odebrecht.

A construtora também utiliza outras tecnologias ULMA, como o sistema MK para torre de escoramento e treliça, além de diversas soluções de fôrmas e escoramentos. Em razão da baixa qualidade do solo, foi necessário criar blocos de fundação com estacas cravadas na posição onde ficam as linhas de Torre MK que recebem as Treliças MK. Todas as cargas em todos os postes MK foram previamente enviadas pela ULMA, para que a Odebrecht dimensionasse as estacas e os blocos. Após esse processo foi feita a pré-montagem das torres e treliças e seus respectivos posicionamentos.

PRODUTOS

Balanço Sucessivo CVS: o mais moderno sistema de Balanço Sucessivo para aduelas moldadas in loco, tanto para pontes retas ou em arco, adapta-se facilmente aos diversos tipos de Fôrma da ULMA. Seu sistema é formado por vigas especiais e componentes do Sistema MK. O grande diferencial está no fato de ser extremamente leve e fácil de montar, além de contar com um exclusivo sistema hidráulico de movimentação, que agiliza o manuseio e a movimentação do equipamento para novas áreas de utilização.

Sistema MK: polivalente e composto somente por elementos padrão, o Sistema MK foi desenvolvido para se adaptar a diversas aplicações que necessitem de grande capacidade de carga, mais comuns em construção pesada, ou em qualquer outro tipo de construção. A grande vantagem deste produto é a sua versatilidade, já que permite configurações como: treliças, carros para pontes, carros para túneis e paredes, escoramento para suporte de fôrmas e outras estruturas, fôrmas para lajes e paredes, consoles trepantes, suporte de fôrma monoface, protetor de fachada, estabilizador de fachada e outras configurações personalizadas.

Enkoform HMK: produto concebido para a realização de estruturas de grande capacidade de carga, habitualmente destinadas a aplicações no campo da Construção Pesada. É formada por uma série de vigas unidas entre si, que servem para configurar diferentes estruturas para o suporte de grandes cargas.

Escoras de Alumínio Aluprop: são especialmente desenvolvidas para escoramentos de fôrmas horizontais, com grandes pés direitos e que necessitem de maior agilidade de montagem. Duráveis e extremamente leves, facilitam a montagem e podem ser utilizadas como torres conjugadas. Também é possível movimentá-las por meio de grua ou Carros VR, sem a necessidade de desmontagem para a nova área de apoio.

Fôrma Portátil Comainsistema portátil leve que pode ser manuseado por um único operário, o que possibilita sua utilização sem necessidade do uso de grua. O sistema permite executar estruturas verticais, desde pequenas superfícies até grandes áreas: paredes, fundações, paredes monoface, cantos de viga, enchimento de lajes, vigas, pilares etc. Dispõe de diferentes painéis, capazes de atender todo tipo de geometria. O sistema suporta pressão de concreto de 40 kN/m².

Andaime Multidirecional BrioO Andaime Multidirecional BRIO da ULMA oferece ao mercado um sistema de encaixe simples com quantidade reduzida de peças. Essas características permitem que a montagem seja rápida e segura, não necessitando de nenhuma ferramenta especial. Atende a diversas estruturas, entre elas: andaimes pendurados em arcos ou pontes, torres móveis, fachadas e interiores de geometria irregulares e de plantas circulares, passarelas, entre outras.

Fôrma de Pilares Circulares CLR: moldes metálicos constituídos por dois painéis em forma de meia-lua, que ao serem unidos através de chavetas, formam o molde circular. Ele suporta pressões de concreto até 80 kN/m² e apresenta uma gama de painéis nas alturas: 0,5 m, 1 m e 2 m. Oferece ampla gama de diâmetros para solucionar grande quantidade de pilares circulares.

Cimbre T-60sistema de cimbramento concebido para suportar cargas verticais de até 6 toneladas por poste, com torres isoladas ou conjugadas. Com um número reduzido de peças, ele torna a montagem simples, prática e segura. Seu sistema de encaixe permite ainda que as torres sejam movimentadas com o auxílio de grua ou com a utilização do Carro VR (Mesa Voadora).


Descrição da Obra
Consórcio responsável: Odebrecht Infraestrutura
Local da obra: São Paulo (SP)
Data da obra: 2015
Produtos: Balanço Sucessivo CVS; Sistema MK; Enkoform HMK; Escoras de Alumínio Aluprop; Fôrma Portátil Comain; Andaime Multidirecional Brio, Fôrma de Pilares Circulares CLR; Cimbre T-60.



Clique para obter catálogo e outras informações deste produto Veja mais produtos deste fornecedor disponíveis no Portal dos Equipamentos

Veja também outros destaques da ULMA Constructionno Portal AECweb

Complete seu cadastro