• Busque fornecedores, produtos e matérias

Produto indisponível

O produto que você buscou se encontra indisponível no momento.

> > > > > De acordo com as práticas da ABCP a qualidade do concreto começa na estocagem

ABRASFE

ABRASFE - Associação Brasileira de Fôrmas, Escoramentos e Acesso

ABRASFE

Associação Brasileira de Fôrmas, Escoramentos e Acesso

EntidadeSão Paulo, SP
Telefone:(11) 2276-7994

De acordo com as práticas da ABCP a qualidade do concreto começa na estocagem

Escolher o local de armazenamento e respeitar o prazo de validade são práticas necessárias para melhorar o desempenho do cimento na construção civil

Escolher o local de armazenamento e respeitar o prazo de validade são práticas necessárias para melhorar o desempenho do cimento na construção civil


Divulgação ABRASFE

Estocar o cimento em local bem protegido da umidade e obedecer a cronologia da data de fabricação na hora de encaminhar o saco para a construção estão entre os procedimentos que ajudam na produção de um concreto de qualidade. As práticas constam nas normas técnicas relacionadas ao cimento e estão consagradas nas práticas divulgadas pela ABCP (Associação Brasileira de Cimento Portland).

Em um de seus documentos, intitulado “Como devo armazenar o cimento?”, a ABCP lembra que “a água é o maior aliado do cimento na hora de confeccionar argamassas e concretos, mas é o seu maior inimigo antes disso. Portanto, é preciso evitar a todo custo que o cimento estocado entre em contato com a água ou com a umidade, tomando os cuidados necessários à sua conservação, no depósito ou no canteiro de obras”.

A revisão das normas de cimento, iniciada pelo ABNT/CB-018, e que deve culminar na redação de uma única norma técnica que abranja todos os procedimentos que envolvem produção, manuseio e aplicações do Cimento Portland, fará também atualizações no item armazenamento. Mas, por enquanto, prevalece a regra básica “10x10x10”.

Significa que o empilhamento deve ser de, no máximo, 10 sacos, colocados sobre estrados ou pallets, que fiquem a uma distância mínima de 10 centímetros do chão, assim como distantes 10 centímetros das paredes. Outra recomendação normativa é que o empilhamento fique, no mínimo, a 50 centímetros do teto. A pilha recomendada de 10 sacos também facilita a contagem na hora da entrega e no controle dos estoques.

Em seu documento sobre estocagem, a ABCP lembra que “é recomendável utilizar primeiro o cimento estocado há mais tempo, deixando o que chegar por último para o fim. Isso evita que um lote fique estocado por tempo excessivo, já que a recomendação geral é para uso até três meses da data da expedição”.

Fonte: ABRASFE

Notícias

Complete seu cadastro