• Busque fornecedores, produtos e matérias

Produto indisponível

O produto que você buscou se encontra indisponível no momento.

SINDUSCON-SP

SINDUSCON-SP - Sindicato da Indústria da Construção Civil do Estado de São Paulo

SINDUSCON-SP

Sindicato da Indústria da Construção Civil do Estado de São Paulo

EntidadeSão Paulo, SP
Telefone:(11) 3334-5600

No 1º trimestre, emprego na construção brasileira sobe 1,65%

No 1º trimestre, emprego na construção brasileira sobe 1,65%

Indicador registrou leve declínio de 0,1% em março

06 de maio de 2014 - Com a abertura de 57,1 mil vagas, o nível de emprego na construção civil brasileira cresceu 1,65% no primeiro trimestre de 2014 em relação ao mesmo período do ano anterior, segundo pesquisa elaborada pelo SindusCon-SP (Sindicato da Indústria da Construção Civil do Estado de São Paulo) em parceria com a FGV (Fundação Getulio Vargas). Com o resultado, ao final de março o número de trabalhadores do setor somava 3,518 milhões.

No mês de março, porém, o indicador apresentou declínio de 0,10% em relação a fevereiro. "Na construção civil, a queda do emprego num mês como março não é usual. Entretanto, é cedo para dizer que isso será uma tendência para os próximos meses. Note-se que o fato não ocorreu de forma homogênea no país. Na região Sudeste, os Estados de São Paulo e Espírito Santo registraram elevação no emprego; já Minas Gerais e Rio de Janeiro tiveram queda. Também não ocorreu de forma homogênea no Estado de São Paulo, onde a capital e algumas regiões registraram elevação, e outras queda. Possivelmente, fatores como a finalização das obras esportivas contribuíram, bem como a diminuição do ritmo da produção de imóveis residenciais. Vamos ver como será abril", afirmou o presidente do SindusCon-SP, Sergio Watanabe.

Na comparação com março de 2013, quando o setor empregava 3,473 milhões, o levantamento indica acréscimo de 1,27%. Das cinco regiões do país, apenas a Sul apresentou números positivos.

Fonte: Sinduscon - SP

 

Notícias

Complete seu cadastro