• Busque fornecedores, produtos e matérias

Produto indisponível

O produto que você buscou se encontra indisponível no momento.

> > > > > Seminário do Sinduscon-SP debaterá impactos da Norma de Desempenho

SINDUSCON-SP

SINDUSCON-SP - Sindicato da Indústria da Construção Civil do Estado de São Paulo

SINDUSCON-SP

Sindicato da Indústria da Construção Civil do Estado de São Paulo

EntidadeSão Paulo, SP
Telefone:(11) 3334-5600

Seminário do Sinduscon-SP debaterá impactos da Norma de Desempenho

Seminário do Sinduscon-SP debaterá impactos da Norma de Desempenho

Entre as palestras que foram incluídas na programação estão temas como “Desempenho estrutural, segurança contra incêndio, segurança no uso e ocupação” e “Desempenho térmico, desempenho acústico e desempenho lumínico”

06 de fevereiro de 2014 - Com a participação de autoridades das três esferas do governo e técnicos renomados, o SindusCon-SP, a CBIC (Câmara Brasileira da Indústria da Construção) e IPT (Instituto de Pesquisas Tecnológicas) promoverão entre os dias 17 e 18 de fevereiro o seminário “Impactos da Norma de Desempenho”, sobre as primeiras consequências de sua aplicação para a cadeia produtiva da construção. O objetivo do evento é discutir as ações necessárias e os desafios para que o conceito de desempenho seja ampliado.

A secretária Nacional de Habitação, Inês Magalhães; o secretário estadual da Habitação, Sílvio Torres; e o secretário-adjunto da secretaria municipal de Licenciamento, Paulo Giaquinto, participarão da abertura do evento ao lado de Sergio Watanabe, presidente do sindicato; Paulo Simão, presidente da CBIC; e Fernando Landgraf, presidente do IPT. O primeiro dia do evento será dedicado ao nivelamento de conhecimentos sobre o conteúdo da norma, suas implicações jurídicas e seus desdobramentos no ensino tecnológico no país; o segundo fará as análises sobre os impactos e os desdobramentos que a norma terá no setor produtivo privado e no setor público dedicado à produção de habitações no Brasil.

Entre as palestras que foram incluídas na programação estão temas como “Desempenho estrutural, segurança contra incêndio, segurança no uso e ocupação” e “Desempenho térmico, desempenho acústico e desempenho lumínico”. Também serão apresentados depoimentos sobre as repercussões da norma, necessidades e propostas para grade curricular no ensino superior tecnológico e sobre os desdobramentos para o Ministério Público.

Ao longo de dois dias de palestras e debates, o público contará com as avaliações da coordenadora geral do PBQP-H do Ministério das Cidades, Maria Salette Weber; do diretor técnico da CDHU e secretário-adjunto da Secretaria Estadual de Habitação, Marcos Penido, e do gerente de Desenvolvimento Urbano e Rural da Caixa em São Paulo, Luiz Guilherme Zigmantas.

As questões técnicas serão debatidas por Fabio Villas Bôas, coordenador da revisão da norma e membro do Comitê de Tecnologia e Qualidade (CTQ) do SindusCon-SP; Ercio Thomaz, pesquisador do CETAC/IPT; Carlos Del Mar, conselheiro jurídico do Secovi-SP; Maurício Antônio Ribeiro Lopes, promotor de Justiça de Habitação e Urbanismo da Capital; Rosaria Ono, chefe do Departamento de Tecnologia da Arquitetura da FAU-USP; Fulvio Vittorino, pesquisador do CETAC/IPT, entre outros especialistas. Também estão previstas as participações de Walter Cover, presidente da Abramat; Suely Bueno, presidente da Abece, e Carlos Alberto Borges, vice-presidente do Secovi-SP.

A inscrição para associados SindusCon-SP, estudantes e docentes é de R$ 390. Entidades apoiadoras e seus associados pagam R$ 430; não associados, R$ 690. Mais informações, clique aqui ou ligue para o CRS no (11) 3334-5600 ou ainda mande um e-mail para eventos@sindusconsp.com.br .

Fonte: Sinduscon - SP

 

Notícias

Complete seu cadastro