Filtrar

PESQUISE POR ESTADO E REGIÃO

REGIÃO DE ATENDIMENTO

Lingas de correntes

Linga de corrente é um material usado para elevação e movimentação de cargas, como chapas de aço e de compensado, paletes, madeira, pré-moldados etc., com segurança. é formada por um anelão, uma ou mais correntes e um gancho. A dimensão, o peso e a capacidade de carga variam conforme o modelo.

Lingas de Corrente

Fitacabo

Lingas de Corrente

Confeccionadas pela Fitacabo, as Lingas de Corrente são ideais para elevação e movimentação de cargas. Disponíveis em diferentes...

Lingas de Corrente
Corrente Plástica
Corrente Plástica
Lingas de Corrente
Lingas de Corrente

Versátil, pode ser montada de diferentes formas e aplicada em diversas situações na construção civil, em siderúrgicas, na mineração, em embarcações etc. A linga de grau 8 é segura (o número refere-se ao tratamento térmico dado à corrente) e a de grau 10 é mais leve do que as demais.

As peças são fabricadas de acordo com a NBR 15.516/2013 - Corrente de elos curtos para elevação de cargas - Lingas de correntes - e devem ter certificado de qualidade.

Tipos de lingas de correntes

A linga de corrente pode ser simples (uma perna), dupla (duas pernas), tripla (três pernas) ou quádrupla (quatro pernas). A simples tem um anelão, uma corrente e um gancho na ponta; a dupla, um anelão, duas correntes e quatro ganchos (nas pontas das correntes); a tripla, um anelão, três correntes e seis ganchos; e a quádrupla, um anelão, quatro correntes e quatro ganchos.

O comprimento das pernas (ou correntes) pode ser ajustado por meio do gancho encurtador (nunca fazer nós na corrente). Esse gancho também serve para equilibrar as cargas quando há assimetrias ou deslocamento do centro gravitacional do material içado.

Cuidados com as lingas de correntes

Antes de usar uma linga de corrente, um profissional capacitado deve verificar o seu estado de conservação, se as correntes não estão torcidas e se a carga foi colocada exatamente no centro do gancho, lembrando que ela não deve ficar na extremidade.

Algumas regras devem ser seguidas para que a peça apresente eficiência e segurança:

  • Não reparar ou soldar a corrente e os acessórios.
  • Não realizar elevação brusca.
  • Não pintar ou galvanizar a corrente.
  • Não dar à corrente tratamento térmico.
  • Não remover pinos, buchas, porcas e travas nem substituir peças originais.
  • Utilizar a linga para elevar e movimentar cargas para as quais ela é indicada, nunca excedê-las.
  • Respeitar a temperatura para uso indicada na tabela de cargas disponibilizada pelos fabricantes.
  • Não utilizar os produtos com ácidos/cáusticos e seus vapores.