• Busque fornecedores, produtos e matérias

Produto indisponível

O produto que você buscou se encontra indisponível no momento.

> > > Preço médio de imóveis residenciais se mantém estável em agosto

Preço médio de imóveis residenciais se mantém estável em agosto

De acordo com o Índice FipeZap, a variação foi de -0,06% frente a julho. No acumulado do ano, o preço médio das vendas caiu 0,29%

Texto: Yuri Soares

De acordo com o Índice FipeZap, a variação foi de -0,06% frente a julho. No acumulado do ano, o preço médio das vendas caiu 0,29%


A cidade do Rio de Janeiro se manteve com o metro quadrado mais caro do país (Créditos: Shutterstock/Iuliia Timofeeva)

11/09/2018 | 16:39 - O preço médio de venda de imóveis residenciais em agosto ficou praticamente estável na comparação com julho, variando -0,06%. Nos últimos 12 meses, o valor recuou 0,32%. Os dados constam do Índice FipeZap, que acompanha o preço médio do metro quadrado de apartamentos prontos em 20 cidades brasileiras, com base em anúncios da iInternet.

Segundo a pesquisa, do início do ano até agosto, o preço médio de venda caiu 0,29%. Considerando a inflação acumulada (2,94%) pelo Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA/IBGE), a queda real foi de 3,14%.

No acumulado de 12 meses, 11 das 20 cidades pesquisadas tiveram baixa nominal no preço de venda, destacando-se Rio de Janeiro (-4,24%), Niterói (-3,30%) e Santos (-2,07%). As cidades que sofreram as maiores variações positivas foram São Caetano do Sul (2,94%), Vitória (2,37%) e Goiânia (2,33%) e São Paulo (1,98%).

O levantamento registrou ainda que, em agosto, o valor médio das vendas foi de R$ 7.529/m². A cidade do Rio de Janeiro permaneceu com o metro quadrado mais caro (R$ 9.494). Em segundo lugar está São Paulo (R$ 8.7967), seguida do Distrito Federal (R$ 7.788). Os municípios com menores valores de venda foram Contagem (R$ 3.511), Goiânia (R$ 4.164) e Vila Velha (R$ 4.692).

Para ver na íntegra o Índice FipeZap de Venda Residencial, clique aqui.

Gostou deste conteúdo? Cadastre-se para receber gratuitamente nossos boletins.

Complete seu cadastro