• Busque fornecedores, produtos e matérias

Produto indisponível

O produto que você buscou se encontra indisponível no momento.

> > > > Vendas de materiais de construção devem crescer 1,5% em 2018

Vendas de materiais de construção devem crescer 1,5% em 2018

Associação de fabricantes acredita em alta tímida, apoiada na projeção do PIB e nas vendas do primeiro bimestre. Ao longo do ano, no entanto, resultados devem oscilar

Texto: Nathalia Lopes

Associação de fabricantes acredita em alta tímida, apoiada na projeção do PIB e nas vendas do primeiro bimestre. Ao longo do ano, no entanto, resultados devem oscilar

venda de materiais de construção em fevereiro
Os segmentos de materiais de base e acabamento foram os que mais cresceram no bimestre (Crédito: urfin/ shutterstock)

15/03/2018 | 14:17 – Os números da Associação Brasileira da Indústria de Materiais de Construção (Abramat) de fevereiro mostraram um crescimento de 1,5% no bimestre, já descontada a inflação do período. Dois segmentos foram fundamentais para a alta: materiais de base, que cresceu 2%, e materiais de acabamento, com alta de 1,2%.

Apesar disso, o resultado não aponta para uma plena recuperação, já que comparado com o mesmo período do ano anterior, as vendas caíram 0,9%.

Em 2018, de acordo com as perspectivas da Abramat, o setor deve crescer 1,5%. As previsões são baseadas na projeção de crescimento de 2,70% que o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) fez em relação ao PIB 2018. A associação ressaltou, no entanto, que o crescimento nas vendas não deve ocorrer de forma linear, mas sim com oscilação de resultados positivos e negativos no decorrer dos 12 meses.

Quer saber mais sobre materiais de construção? Leia:

Comerciantes de materiais de construção adotam postura cautelosa

São Paulo terá um banco municipal de materiais de construção

Prefeitura inicia nova fase de asfaltamento de vias em São Paulo

Gostou deste conteúdo? Cadastre-se para receber gratuitamente nossos boletins.

Complete seu cadastro