Azulejos levam cor e personalidade aos mais diversos ambientes

Produtos são indicados para revestir paredes inteiras ou compor com porcelanatos, personalizando o projeto com suas variadas cores e dimensões

Publicado em: 01/09/2021Atualizado em: 30/10/2023

Texto: Redação AECweb/e-Construmarket

Azulejos coloridos
Os azulejos trazem muitas possibilidades (Foto: Divulgação/Grupo Fragnani)

Elemento com função e estética, o azulejo protege paredes de áreas úmidas e, também, se destaca no design de interiores de ambientes e fachadas residenciais e comerciais. Como diz Edimário Jesus de Souza, gerente de Qualidade da Tecnogres, o céu é o limite para a composição dos azulejos. “Eles trazem muitas possibilidades, como uso de cores modernas, estampas desenhadas, utilização de peças diferentes como ‘quadros’ ou faixas para destacar algumas áreas e trazer um elemento único na decoração”, pontua.

É necessário ter o objetivo do projeto bem definido para saber qual modelo escolher, seja o minimalista de uma única cor ou um geométrico colorido, integrando os revestimentos e os objetos de decoração
Danilo Miyazaki

A recomendação de Danilo Miyazaki, CEO da TAI Azulejos, é não ter medo de ousar no projeto, seja no modelo ou na cor, mas respeitando sempre a proposta de decoração. “Nosso propósito é sempre a integração dos azulejos artesanais com outros revestimentos, levando harmonia para o ambiente. É necessário ter o objetivo do projeto bem definido para saber qual modelo escolher, seja o minimalista de uma única cor ou um geométrico colorido, integrando os revestimentos e os objetos de decoração”, afirma.

Dimensões e ambientes

De acordo com Souza, os principais formatos de azulejos são os de 10 x 10, 10 x 20 e 21 x 21 cm. Atendem a qualquer tipo de decoração e ambiente, por serem de fácil manuseio e por se encaixarem em qualquer espaço. Já as peças artesanais são produzidas com 15,5 x 15,5 cm e em projetos especiais com 20 x 20 e 10 x 10 cm. “Sabemos que precisamos diferenciar nossos produtos em design e cores mais vibrantes, além de projetos customizados de arquitetos e parceiros”, fala Miyazaki.

Por serem laváveis e de fácil remoção de sujeiras, as peças são amplamente usadas em todos os tipos de ambientes, das cozinhas, banheiros e áreas de serviço às saunas, piscinas e fachadas e até mesmo em livings e escritórios. “Os azulejos têm decoração e acabamento diferenciados, com um leve brilho, que deixa o visual com um toque especial e bem pessoal”, comenta Souza. Em áreas úmidas é a opção ideal, por se tratar de material impermeável, com resistência a fungos e bolor. Porém, é importante saber se o produto atende às especificações técnicas.

Integração com porcelanatos

Os azulejos têm decoração e acabamento diferenciados, com um leve brilho, que deixa o visual com um toque especial e bem pessoal
Edimário Jesus de Souza

Porcelanatos de grandes formatos indicados para piso também podem ser usados no revestimento de paredes, compondo com azulejos. “A colocação das lastras deve respeitar a altura máxima de 3 m, utilizando argamassa ACIII que tem maior poder de ancoragem, seguindo a junta de expansão térmica indicada na embalagem e fazendo o assentamento correto”, ensina Souza.

Ele alerta que revestimentos de piso possuem maior capacidade de resistência a impactos em comparação com os revestimentos de parede. “Ou seja, o piso pode ser usado na parede, mas os revestimentos não podem ser usados no chão”, ressalta.

O uso do mesmo revestimento no piso e paredes ganhou força nos últimos anos, uma vez que a solução cria uma identidade visual mais exclusiva do projeto e, ao mesmo tempo, uma perspectiva de imersão no ambiente, reforçada pela escolha de modelos geométricos. A composição das lastras com azulejos artesanais traz mais oportunidade de criação. “Uma das nossas principais referências é aquela linda cozinha com porcelanato clean, que ganha ‘vida’ com uma das paredes revestida com os azulejos decorados”, diz.

Azulejos coloridos
As peças são amplamente usadas em todos os tipos de ambientes (Foto: @arqsimplifica)

Efeito ‘caixa’

Muito além do revestimento do piso e da parede, o efeito ‘caixa’ avança também para o teto e, preferencialmente, em um único ambiente. “Salas, quartos, cozinhas e até mesmo banheiros, quando contam com esse recurso, ganham real independência em relação aos demais espaços da casa. Os halls e corredores também se destacam, assumindo o papel de elementos da decoração e gerando, com isso, diferentes noções de espaço”, destaca Edimário Jesus de Souza, que dá como exemplo o efeito ‘caixa’ aplicado em todo o cômodo ou reservado apenas à área de banho.

“Pensando em vida útil, o efeito ‘caixa’ pode se tonar um investimento bem econômico, substituindo o gesso pelas cerâmicas 3D (alto relevo) e as manutenções de pinturas na parede”, sugere.

Limpeza

A limpeza dos azulejos artesanais é bem simples, dispensando o uso de produtos especiais. Requer água em abundância, detergente neutro, pano ou uma escovinha para limpeza dos rejuntes. “É interessante buscar um detergente com Ph neutro, que além de manter a limpeza do revestimento, não prejudica o revestimento”, indica Danilo Miyazaki.

Nos revestimentos cerâmicos de piso, é preciso evitar a queda de objetos pesados ou pontiagudos, que podem causar lascas na superfície. “Além disso, os pisos cerâmicos devem ser mantidos limpos, para evitar sujeiras abrasivas que podem danificá-los. A areia é uma das mais abrasivas e tende a desgastar a superfície esmaltada”, conclui Souza.

Leia também: 

Pintura de azulejos: conheça as vantagens e saiba aplicar em casa
Porcelanato, pedra, quartzo... escolha o revestimento de piso certo

E mais: 

Baixe nossa Planilha de Medição e organize o fluxo financeiro da obra e estoque! 

Baixe a Calculadora MTBF e MTTR e melhore os KPIs de sua empresa!

Colaboração técnica


Danilo Miyazaki – CEO da empresa TAI Azulejos. Tem mais de uma década de experiência no mercado de revestimentos, com passagem por grandes empresas do ramo de cerâmica, distribuição e tecnologia, assumindo a função de diretoria e responsável por grandes inovações. Com uma visão ampla do mercado, criou a TAI Azulejos para inovar em soluções de revestimentos e decoração para o mercado da construção e decoração.

Edimário Jesus de Souza – Graduado em Gestão da Qualidade, especializado em mapeamento do processo, auditor líder de organismo de certificação ISO9001 e ISO14001, com atuação em processos de produção, desenvolvimento de projetos voltados à gestão da qualidade e produção. É gerente de Qualidade da marca Tecnogres.