Banner AECweb
menu-iconPortal AECweb

Painel wall é isolante acústico e tem aplicação versátil

Considerada sustentável, a solução pode ser aproveitada em fechamentos externos, paredes, pisos, lajes e divisórias

Publicado em: 25/02/2016Atualizado em: 14/11/2022

Texto: Redação AECweb/e-Construmarket

casa-em-ipironga
A Casa em Iporanga, projetada pelo Nitsche Arquitetos, conta com vedações em painéis wall (Foto: Nelson Kon)

Passíveis de utilização em qualquer tipo de edificação, seja residencial, industrial ou comercial, os painéis wall garantem rapidez na execução da obra e racionalização no consumo de materiais. “A solução é indicada para fechamentos externos, divisórias, paredes, shafts, lajes secas e ambientes com confinamento acústico”, afirma o arquiteto e urbanista Gabriel Pontes, gerente de Marketing e Administração de Vendas da Eternit.

“O produto é um ótimo isolante acústico, ideal na construção de cinemas, igrejas, casas noturnas, bares, entre outros. A aplicação como piso de mezaninos também é interessante”, complementa Esmael Locatelli, sócio-administrador da Maxicomp Compensados e Artefatos de Madeira, empresa que fabrica painéis wall.

Veja também: Painel isotérmico

O produto é um ótimo isolante acústico, ideal na construção de cinemas, igrejas, casas noturnas, bares, entre outros
Esmael Locatelli 

COMPOSIÇÃO

O sistema é composto por miolo de madeira laminada ou sarrafeada, contraplacado em ambas as faces por lâminas de madeira. “Os painéis são fabricados a partir de madeira de Pinus reflorestado, depois são prensados, recortados e acabados”, informa Locatelli. Externamente, são revestidos por placas cimentícias CRFS (Cimento Reforçado com Fio Sintético) prensadas.

O processo de industrialização se constitui pela prensagem especial dos componentes, realizada a altas temperaturas. Por aproveitar matéria-prima com origem no reflorestamento, o produto pode ser considerado sustentável. “O material contribui também com a redução de entulho na obra, e sua aplicação caracteriza construção seca, com diminuição ou isenção no consumo de água”, destaca Pontes.

INSTALAÇÃO E MANUTENÇÃO

Sem segredos, a instalação dos painéis wall costuma ser minuciosamente detalhada nos catálogos técnicos fornecidos pelos fabricantes. “A fixação acontece através de três apoios transversais e, na sequência, o produto deve ser impermeabilizado, caso esteja exposto à umidade”, explica Locatelli.

O acabamento pode ser feito com porcelanato e cerâmica, entre outros materiais. Se for aproveitado como piso, o sistema também pode receber diferentes tipos de revestimento, como laminado e pintura epóxi.

“É possível, ainda, utilizar os painéis wall como piso de estacionamento, desde que sejam obedecidas as regras de instalação”, fala Locatelli. No caso de paredes, o produto é estrutural e suporta o peso da cobertura sem necessidade de vigas. Já como piso de mezaninos, tem resistência de 500 kg/m².

Se as indicações do fabricante forem seguidas de maneira adequada, a solução necessitará de pouca manutenção durante sua vida útil. Entretanto, Pontes alerta para a constante necessidade de verificações na edificação. “Em qualquer construção, devem ser realizadas análises periódicas de todo o conjunto instalado [estrutura, fixação e fechamentos]. Essa ação precisa acontecer, no máximo, a cada cinco anos”, destaca o arquiteto. Através desse acompanhamento, é possível criar um planejamento de manutenções, caso sejam localizadas patologias que coloquem em risco a integridade dos ocupantes.

Em qualquer construção, devem ser realizadas análises periódicas de todo o conjunto instalado [estrutura, fixação e fechamentos]. Essa ação precisa acontecer, no máximo, a cada cinco anos
Gabriel Pontes 

QUALIDADE

Os painéis wall ainda não contam com normas técnicas específicas. “Quando realizada de maneira correta, sua aplicação atende, em grande parte, às normas de desempenho das edificações”, ressalta Pontes. Já o processo de fabricação deve sempre seguir as normas de madeira compensada.

VANTAGENS DO PRODUTO

Entre as principais características do sistema está sua fina espessura e menor peso por metro quadrado que garantem a rápida montagem e desmontagem. “Isso torna o produto excelente para duplicação de espaços. Por ter largura reduzida, é também indicado para ambientes com pé-direito baixo”, afirma Pontes.

Outras vantagens que merecem destaque são a estanqueidade à água e o isolamento acústico e térmico. A alta densidade superficial e a refletância sonora verificada na superfície lisa do painel garantem grande capacidade de isolamento sonoro.

É bom saber

Os painéis wall resistem ao fogo e não propagam chamas. Um cuidado que colabora para que a solução reaja bem em caso de incêndio é isolar o miolo de madeira para que não fique exposto ao ambiente. “Esse é um produto que atende às normas do Corpo de Bombeiros”, finaliza Locatelli.

Leia também:
Forros minerais: como instalar

Colaboração técnica

Gabriel Pontes – Arquiteto e urbanista formado pela Faculdade de Belas Artes de São Paulo. Tem MBA em Engenharia Civil e Marketing, ambos pela Fundação Getúlio Vargas (FGV). Atualmente é gerente de Marketing e Administração de Vendas da Eternit.
Esmael Locatelli – Sócio-administrador da Maxicomp Compensados e Artefatos de Madeira.