Tubos: o que existe, vantagens e desvantagens

O mercado oferece vários tipos de tubos para instalações hidráulicas. Entenda um pouco mais sobre a função de cada um

Publicado em: 30/08/2009Atualizado em: 31/03/2023

Texto: Redação AECweb

O mercado oferece vários tipos de tubos para instalações hidráulicas. Há os específicos para água quente: PP-R, Cobre, CPVC, PE-X e PE-RT. Os mesmos materiais podem ser usados para água fria, além do PVC.

PP-R – Com uniões através da termofusão, garante uma união contínua e absoluta potabilidade da água, pois não utiliza cola ou outros produtos para união entre tubo e conexão. É resistente a altas pressões, temperaturas e impactos; tem baixa condutividade térmica; não sofre corrosão; e não necessita de juntas de dilatação para instalações em água quente. Tem diâmetros de 1/2” a 4” . Desvantagens: comparado com o cobre utiliza mais abraçadeiras quando instalado de forma aparente e necessita de ferramenta para instalação.

Cobre - Com uniões através da solda, trabalha com temperaturas superiores a 100˚C e utiliza poucas abraçadeiras, quando instalado de forma aparente. Tem diâmetros de 1/2” a 4” .
Desvantagens: sofre a ação da corrosão, necessita de ferramenta para instalação, e exige o uso de isolamento térmico e juntas de dilatações para instalações em água quente.

CPVC - Resistente a altas pressões e temperaturas, tem baixa condutividade térmica. Não sofre corrosão e não necessita de ferramentas para instalação. Tem diâmetros de 1/2” a 4” .
Desvantagens: as juntas de dilatações para instalações em água quente utilizam cola para união entre tubo e conexão.

Veja também: Tubo azul para irrigação
Template: lista mestra para controle de arquivos

PVC - Dispensa ferramentas para instalação e tem diâmetros de 1/2” a 4” . Desvantagens: baixa resistência a altas pressões e utiliza cola para união entre tubo e conexão.

PE-X - Com uniões através de conexões metálicas, é resistente a altas pressões e temperaturas. Apresenta baixa condutividade térmica e resistência ao impacto. Não sofre corrosão, não necessita de juntas de dilatação para instalações em água quente e a tubulação é flexível. Tem diâmetros de 1/2” a 1 1/4” (flexível).
Desvantagens: comparado com o cobre, utiliza mais abraçadeiras quando instalado de forma aparente. Alguns necessitam de ferramenta para instalação.

PE-RT - Com uniões através de conexões metálicas ou de termofusão, condição que garante uma união contínua e absoluta potabilidade da água, pois não utiliza cola ou outros produtos para união entre tubo e conexão. É resistente a altas pressões e temperaturas, e a impactos; tem baixa condutividade térmica; não sofre corrosão; não necessita de juntas de dilatação para instalações em água quente; e tubulação flexível. Tem diâmetros de 1/2” a 1 1/4”.
Desvantagens: comparado com o cobre utiliza mais abraçadeiras quando instalado de forma aparente e necessita de ferramenta para instalação.


Colaboração: Grupo Dema