A reciclagem responsável e organizada de pneus

Texto: Redação PE

É importante que o consumidor tenha a consciência sobre o que fazer com um pneu inservível. Este componente pode ser reaproveitado em diversas formas. Seja como combustível alternativo para as indústrias de cimento, na fabricação de solados de sapato, em borrachas de vedação, dutos pluviais, pisos para quadras poliesportivas, pisos industriais, asfalto-borracha e tapetes para automóveis.

Sempre que comprar um pneu novo, deve deixar o velho na loja, que tomará as devidas providências necessárias de reclicagem. Caso contrário, eles são descartados de forma errada contribuindo para entupimentos de redes de esgoto e enchentes, poluição de rios e ocupam um enorme volume nos aterros sanitários e podem ainda ser foco para o mosquito da dengue. Se queimados de forma errada, geram poluição atmosférica.

Esta preocupação ambiental motivou os fabricantes nacionais do setor pneumático a investirem aproximadamente US$ 200 milhões em programa que estabelecem condições para o desenvolvimento sustentável do País. Segundo dados do Programa Nacional de Coleta e Destinação de Pneus Inservíveis, o Brasil em 14 anos, coletou cerca de 373 milhões de pneus de passeio, o equivalente a 1,86 milhão de toneladas para reciclagem.

Hoje há 726 pontos de coleta distribuídos em todos os estados e Distrito Federal. Foram criados em parceria com as prefeituras, que cedem os terrenos dentro das normas específicas de segurança e higiene para receber os pneus inservíveis vindos de origens diversas. Grande parte dos pneus coletados vai para combustível alternativo usado nas cimenteiras. Para que seja ambientalmente correta, a queima deste material nas cimenteiras exige todos os cuidados ambientais necessários, com o uso de filtros especiais.

A ANIP (Associação Nacional da Indústria de Pneumáticos), representante de toda a indústria deste segmento, atua como canal de comunicação junto às instituições governamentais, meio empresarial e sociedade. A Reciclanip, “braço ambiental” da ANIP, é a entidade encarregada pela coleta e destinação de pneus inservíveis, que em 2011 coletou e deu destinação de forma ambientalmente correta a mais de 320 mil toneladas de pneus, o equivalente a 64 milhões de unidades de pneus de carro de passeio.

O responsável pelo Ponto de Coleta comunica a Reciclanip sobre a necessidade de retirada do material quando atinge a quantidade de 2000 pneus de passeio ou 300 pneus de caminhões. A partir daí, a entidade programa a retirada do material com os transportadores conveniados.