Baixada Fluminense lança consórcio para reaproveitamento de resíduos

Texto: Redação AECweb

Com consórcio, municípios pretendem garantir nova destinação aos resíduos

01 de junho de 2012 - Prefeitos de seis municípios da Baixada Fluminense lançaram nesta quinta-feira (31) o consórcio do Plano Regional de Gestão dos Resíduos Sólidos da Construção Civil. O consórcio, que será coordenado pelo Instituto Estadual do Ambiente (Inea), tem por objetivo uma nova destinação para o reaproveitamento de resíduos produzidos pelas empresas da construção civil instaladas nas cidades de Belford Roxo, Duque de Caxias, Mesquita, Nilópolis, Nova Iguaçu e São João de Meriti.

Para o secretário estadual do Ambiente, Carlos Minc, as prefeituras avançam em conjunto em busca de uma solução para o lixo produzido na Baixada Fluminense. “Muitos problemas hoje são resolvidos pelos municípios, como no caso dos licenciamentos. Essa união transforma problema em solução e resíduo em material reciclado, o que vai aliviar o orçamento dessas prefeituras”, disse.

O secretário do Meio Ambiente do município de Duque de Caxias, Samuel Maia, informou que o convênio pretende acabar com os entulhos que são jogados na maioria das vezes em locais próximos a córregos, margens de rios, entre outras áreas impróprias para o despejo de resíduos decorrentes da construção civil na Baixada Fluminense.

"Numa gestão integrada com seis municípios estaremos contribuindo não só para o meio ambiente, mas para uma gestão melhor da cidade e da Baixada Fluminense, onde esses entulhos também serão utilizados em obras públicas”, ressaltou.

Fonte: DCI