Banner AECweb
menu-iconPortal AECweb

Caixa cadastra interessados no PMCMV em São Paulo

Texto: Redação AECweb

Secretaria da Habitação do Estado de São Paulo firmará termos de compromisso com os municípios onde serão edificados os empreendimentos

03 de agosto de 2012 - A Caixa Econômica Federal publicou edital dando prazo até 27 de agosto para o cadastramento das construtoras interessadas na edificação e legalização de empreendimentos habitacionais no âmbito do Termo de Acordo de Cooperação e Parceria celebrado com o governo do Estado de São Paulo. O convênio pretende viabilizar a contratação da construção de 83 mil unidades habitacionais entre 2012 e 2015, para famílias com renda de até R$ 1.600,00, dentro do PMCMV (Programa Minha Casa, Minha Vida).

Pelo Termo de Acordo, o Estado de São Paulo aportará um subsídio de até R$ 20 mil para complementar o valor da unidade habitacional estipulado pelo governo federal para contratar a construção daquelas moradias.

A Secretaria da Habitação do Estado de São Paulo firmará termos de compromisso com os municípios onde serão edificados os empreendimentos. Sobre a hierarquização dos projetos, segundo consta do Termo, esta se dará a partir de avaliação conjunta entre a Secretaria e a Caixa.

Veja a íntegra do edital (DOU de 25 de julho):

AVISO DE CREDENCIAMENTO Nº 3599/2012 Objeto: Seleção de empresas do ramo da construção civil, para credenciamento junto à Caixa, visando a construção e legalização de empreendimentos habitacionais, em imóveis a serem adquiridos pelo FAR – Fundo de Arrendamento Residencial, por meio de alienação do Poder Público e/ou suas entidades.

Recebimento do envelope contendo a "manifestação de interesse e a documentação": até às 10h00 do dia 27/08/2012. Informações e cópia de edital mediante entrega de pen drive, na sede da Comissão Especial de Licitação – CEL/SP, situada à Al. Joaquim Eugênio de Lima 79, 7º andar, sala "A", Bela Vista - São Paulo/SP, nos dias úteis, das 10h00 às 16h00, fone (11) 3572-4625 ou 3572-4259, ou no site www.caixa.gov.br.

Fonte: Sinduscon - SP

x
Gostou deste conteúdo? Cadastre-se para receber gratuitamente nossos boletins: