Caixa Econômica Federal antecipa ofertas de imóveis

Texto: Redação AECweb

Instituição criou um hotsite com todas as ofertas, que ultrapassam 100 mil unidades no País, e informações para aquisição do imóvel financiado

13 de maio de 2009 - Quem planeja comprar um imóvel na quinta edição do "Feirão da Casa Própria" da Caixa Econômica Federal, no Riocentro, não precisa esperar até quinta-feira. A instituição criou um hotsite com todas as ofertas, que ultrapassam 100 mil unidades no País, e informações para aquisição do imóvel financiado. No Rio de Janeiro, são 66.160 ofertas. A ferramenta pode ser acessada em www.feiraohabitacaocaixa.com.br. Interessados poderão conhecer imóveis e condições, além de fazer simulações.

É a primeira vez que a Caixa oferece o serviço, agora no calendário anual de eventos. Para conferir os imóveis, é preciso indicar a cidade. O hotsite terá ainda a relação de bens retomados pelo banco de mutuários inadimplentes. A superintendente regional da Caixa, Nelma Tavares, destaca que o serviço permite que o interessado verifique "com calma os imóveis que mais se encaixam em seu orçamento familiar".

Entre as ofertas, estão as 2.109 unidades habitacionais voltadas a famílias com renda de três a 10 salários mínimos (R$ 1.395 a R$ 4.650) da Secretaria Municipal de Habitação. Desse total, 673 imóveis estão prontos nos bairros de Cosmos e Santa Cruz, na Zona Oeste. São unidades do Programa de Arrendamento Residencial (PAR) — oportunidades para quem recebe até R$ 2.200, renda ampliada até R$ 2.800 para a área de segurança. No PAR, o comprador paga um aluguel social e, só depois de 15 anos, ganha a opção de compra.

As outras 1.436 unidades serão construídas pelo programa "Minha Casa, Minha Vida". Somente a MRV Engenharia terá 1.200 imóveis em oferta no feirão. Um dos empreendimentos é o Rio Star, na Taquara.

O diretor da Estrutura Consultoria e Financiamento, Fábio Mello, também estará no evento para orientar os clientes das construtoras atendidas por ele sobre o processo de concessão de crédito. A Rossi Residencial vai lançar o Rossi Ideal Vila Brasil, em Benfica, com prestações a partir de R$ 300 durante a obra. A MDL Realty levará três produtos para o Feirão da Caixa, num total de 704 unidades, com prestações a partir de R$ 355,24.

Imóvel com prestação de R$ 50

A Secretaria Estadual de Habitação informou que vai cadastrar famílias com salários de até R$ 1.395, para pagar prestação a partir de R$ 50 no programa "Minha Casa, Minha Vida". O secretário estadual de Habitação, Leonardo Picciani, adiantou que equipe da secretaria está sendo treinada para atender a esse público. No evento, serão ofertadas 1.200 unidades, divididas em dois condomínios, à população de baixa renda.

Serão elas 765 casas do Vilage Costa Barros e 442 do Vilage Barros Filho. Os dois terrenos pertencem ao governo do estado e serão doados para a construção das moradias. Cada unidade deverá custar cerca de R$ 40 mil, já incluídos custos com infraestrutura do condomínio. E a maioria deverá pagar taxa mínima de R$ 50, porque predomina a renda menor que um salário mínimo.

Fonte: InvestNews - SP