Ceará bate recorde na geração de empregos

Texto: Redação AECweb

Construção civil teve crescimento de quase 50% no número de vagas em relação ao ano passado. Comércio e serviços se destacam

17 de dezembro de 2010 - O Ceará abriu 73.143 postos de trabalho este ano, de janeiro a novembro. O resultado foi divulgado ontem pelo Ministério do Trabalho e Emprego (MTE), a partir de dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged).

Este resultado foi o melhor de toda a série histórica do Caged, em termos absolutos e relativos", aponta o estudo. Ano passado haviam sido criados 64.436 empregos no Ceará. A pesquisa indica ainda que, somente de outubro a novembro deste ano, houve a geração de 6.850 postos.

A construção civil está em alta. Ano passado, entre janeiro e novembro, o setor gerou 10.579 empregos. Este ano o número saltou para 15.764 vagas.

O coordenador de Estudos e Análises de Mercado do Instituto do Desenvolvimento do Trabalho (IDT), Erle Mesquita, afirma que o crescimento na construção civil pode ser explicado pelos investimentos públicos e privados, principalmente em obras de infraestrutura. Ele exemplificou as obras de policlínicas e centros odontológicos em todas as regiões do Ceará.

Em 2009, entre janeiro e novembro, a construção gerou 10.579 postos. Este ano o número saltou para 15.764 vagas.

Os principais destaques do Caged no Ceará, neste período, foram comércio e serviços. Erle lembra que a alta temporada e as festas de fim de ano puxam nos dois setores as contratações, mas enfatiza que o crescimento econômico acima da média consegue elevar o volume de novos postos de trabalho.

O comércio responde por 4.449 postos de trabalho gerados em novembro, de um total de 6.850 empregos criados no Ceará. Já o setor de serviços abriu 2.219 vagas.

Fonte: O Povo - CE