Construtoras têm forte queda e derrubam Ibovespa

Texto: Redação AECweb

Ibovespa fechou em queda de 1,05 por cento, a 54.633 pontos

30 de maio de 2012 - As construtoras, que ajudaram a Bovespa a subir na véspera, se encarregaram de derrubar o principal índice da bolsa paulista nesta terça-feira, com investidores realizando lucros e mostrando cautela diante das incertezas na zona do euro.

Em um pregão volátil, o Ibovespa fechou em queda de 1,05 por cento, a 54.633 pontos. Pela manhã, o índice operou no campo positivo e chegou a subir 1 por cento na máxima intradia.

O giro financeiro do pregão foi de 6,33 bilhões de reais, com investidores estrangeiros retornando ao mercado após feriado da véspera nos Estados Unidos.

"Vimos um pouco de realização hoje, mostrando que os investidores ainda não estão confiantes na recuperação do mercado", disse João Pedro Brugger, analista na Leme Investimentos.

As construtoras caíram forte, mais que devolvendo os ganhos da véspera. PDG Realty foi a maior contribuição de baixa para o Ibovespa, com queda de 11,4 por cento, a 3,35 reais. Foi o maior recuo do papel desde 6 de novembro de 2008, quando a ação despencou 13,95 por cento. Gafisa teve queda de 6,34 por cento, a 2,66 reais.

O JPMorgan reduziu a recomendação para os papéis da Gafisa, PDG Realty e MRV nesta terça-feira, avaliando que ainda é cedo para mostrar otimismo com o setor, embora os preços dos papéis pareçam atrativos.

O tombo do Ibovespa só não foi maior devido à alta das ações da Vale, que foram beneficiadas com a expectativa de que a China anuncie novas medidas de estímulo econômico, segundo operadores.

A preferencial da mineradora subiu 1,39 por cento, a 36,60 reais. Ainda entre as blue chips, a preferencial da Petrobras avançou 0,32 por cento, a 18,85 reais, enquanto a ação ordinária da OGX teve queda de 0,53 por cento, a 11,36 reais.

Fora do Ibovespa, Kroton Educacional subiu 4,89 por cento, a 28,75 reais. Pela manhã, a companhia anunciou a compra da Uniasselvi, grupo de universidade e faculdades de Santa Catarina, por 510 milhões de reais.

As units do BTG Pactual subiram 0,41 por cento, a 26,91 reais. O braço de participações do banco fechou a compra de cerca de 40 por cento da varejista fluminense Leader e avalia fazer outras aquisições no setor.

Em Wall Street, o índice Dow Jones fechou em alta de 1 por cento. Mais cedo, o principal índice dos mercados europeus avançou 0,71 por cento.

Fonte: G1