Cooperação Brasil-França em Construção Sustentável é tema de Simpósio

Texto: Redação AECweb/e-Construmarket

Durante evento na Prefeitura de são Paulo, modelo virtual de cidade francesa virtual será apresentado

01 de novembro de 2013 - Na segunda-feira, dia 4 de novembro, das 9h30 às 12h30, na Prefeitura de São Paulo, ocorre o simpósio “A Cidade Sustentável à La Française”. O evento, organizado pela Prefeitura de São Paulo e a Ubifrance (Agência Francesa para o Desenvolvimento Internacional das Empresas) com o apoio da Fundação Vanzolini, tem o objetivo de aprofundar a cooperação entre o Brasil e a França na área de construção e planejamento urbano sustentável das cidades.

Representantes do Consulado da França, da Secretaria de Desenvolvimento Urbano da Cidade de São Paulo, da Ubifrance e da Fundação Vanzolini - que adaptou da França a Certificação para Construções Sustentáveis, Processo AQUA - vão mostrar as experiências brasileiras em construção e planejamento urbanos sustentáveis. O professor Manuel Martins, coordenador do processo AQUA, vai falar sobre a cooperação técnica entre o Brasil e a França na área de certificação de empreendimentos sustentáveis.

Entre as autoridades francesas presentes, estará a Conselheira para Assuntos de Desenvolvimento Sustentável do Ministério de Comércio Exterior da França e coordenadora do projeto VivaPolis, Michèle Pappalardo, que falará sobre a experiência francesa na busca por cidades com uma expressão mais humana; e Corinne Block-Raguin, diretora do Grupo Cerway, entidade internacional dedicada à disseminação do processo HQE (Haute Qualité Environmentale), reconhecido como o mais avançado do mundo para a avaliação e certificação da construção sustentável - representado no Brasil pelo Processo AQUA (Alta Qualidade Ambiental).

Durante o evento, será apresentado um modelo virtual de cidade francesa sustentável. A ideia é que esse padrão de projeto de infraestruturas seja exportado para países em desenvolvimento. Além de serviços e produtos franceses que podem se encaixar num proceso de construção sustentável.

O compromisso ambiental nas construções é uma das áreas que obteve maiores avanços após a realização do acordo de cooperação bilateral em desenvolvimento sustentável entre Brasil e França, em 2005. Parte desse resultado se deu após a criação da certificação Processo AQUA no Brasil, em 2008, que trouxe uma proposta de mudança na cultura da construção civil brasileira.

Fonte: Fundação Vanzolini