Banner AECweb
menu-iconPortal AECweb

Cresce a procura por cursos de qualificação na área da construção civil

Texto: Redação AECweb

O crescimento de vagas no setor fez aumentar a procura pelos cursos de qualificação

13 de abril de 2010 - O crescimento de vagas na construção civil fez aumentar a procura pelos cursos de qualificação e os trabalhadores, preparados para colocar a mão na massa, já estão sentindo no bolso o resultado do investimento. O trabalho numa obra não é nada fácil. Exige muita energia, estudo e conhecimento técnico. Uma combinação que está faltando no mercado.  “Existe falta de funcionários nos mais diversos serviços, desde o serviço mais básico como o servente até o profissional mais capacitado”, fala Fábio Gonçalves, coordenador de obras.

Na construção, no bairro de Cerqueira César, 160 funcionários trabalham sem parar para erguer um prédio com quase 300 salas comerciais. Mas ainda há vagas para eletricistas, encanadores e construtores de fachada.  A escassez é tanta, que os profissionais estão sendo disputados pela concorrência, o que já tem reflexo nos salários. “Com certeza o salário melhorou. Digamos aí uns 10%”, diz José Batista da Silva, encarregado de carpinteiro.

A procura só deve aumentar com os novos empreendimentos imobiliários, como condomínios residenciais, e também com as obras programadas para a copa de 2014, no Brasil. Pra atender tudo vai ser preciso mais operários especializados, como Carlos Lino dos Santos, encarregado de obra. “Comecei como auxiliar de hidráulica, fiz um curso, fiz também curso de pintura decorativa, aí sempre quis melhorar e agora estou fazendo curso de mestre de obras”, diz. Só no estado de São Paulo, o Senai está capacitando 60 mil alunos em cursos pra entrar ano no mercado de trabalho.

Muitos alunos já começam o curso empregado. “Já estou empregada. Antes de começar o curso eles viram na seleção a empresa e já chamam pra trabalhar”, fala a aluna Jéssica. Alguns jovens ampliam a visão de futuro enquanto se preparam. “Não quero chegar lá na faculdade sem ter um preparo. Pretendo fazer edificações e engenharia civil”, diz Liton Rodrigues, alunos do Senai.

Fonte: G1

x
Gostou deste conteúdo? Cadastre-se para receber gratuitamente nossos boletins: