CUB sobe 0,28% em janeiro

Texto: Redação AECweb

CUB sobe 0,28% em janeiro


Custos das construtoras com os materiais de construção se elevaram em 0,14%

02 de fevereiro de 2011 - O CUB (Custo Unitário Básico) da construção civil do Estado de São Paulo registrou aumento de 0,28% em janeiro, em relação a dezembro. O CUB é o índice oficial que reflete a variação dos custos do setor para utilização nos reajustes dos contratos de obras, calculado pelo SindusCon-SP (Sindicato da Indústria da Construção Civil do Estado de São Paulo) e pela FGV (Fundação Getulio Vargas).

Em janeiro, os custos com a mão de obra na construção subiram 0,40%, principalmente em função do reajuste nas tarifas de transporte público. Os custos das construtoras com os materiais de construção se elevaram em 0,14% e os salários de engenheiros e arquitetos mantiveram-se estáveis (variação de 0%). A média ponderada entre os três itens resultou no CUB representativo da construção civil paulista (R8-N), que ficou em R$ 904,75 por metro quadrado em janeiro.

No mês de janeiro, apenas 2 dos 41 insumos da construção pesquisados aumentaram acima do IGP-M do mês (este se elevou em 0,79%). Veja alguns aumentos de custos:

Tubo de cobre: 0,99%
Tubo de PVC rígido p/ água: 0,91%
Brita 2: 0,68%
Porta lisa para pintura: 0,67%
Emulsão asfáltica p/ impermeabil: 0,67%
Óleo diesel: 0,48%
Areia média lavada: 0,44%
Tubo de ferro galvanizado: 0,36%
Vidro liso transparente 3 mm: 0,34%
Chapa compensado resinado: 0,25%
Telha ondulada fibrocimento: 0,25%

Fonte: Sinduscon – SP