Banner AECweb
menu-iconPortal AECweb

Empresários da construção civil estão pessimistas em relação ao desempenho

Texto: Redação AECweb/e-Construmarket

De acordo com 54ª Sondagem Nacional da Indústria da Construção Civil, perspectiva caiu 6,5%

19 de março de 2013 - A perspectiva de um bom desempenho da empresa do setor de construção caiu 6,5% em fevereiro em relação a igual período do ano anterior, segundo a 54ª Sondagem Nacional da Indústria da Construção Civil, realizada pelo SindusCon-SP (sindicato de construção) e pela FGV (Fundação Getulio Vargas).

Com o resultado, que reflete a perspectiva do empresário do setor em todo o país, o indicador fechou em 52,1 pontos. Os dados estão dispostos numa escala que vai de zero a cem. Isso quer dizer que valores abaixo de 50 podem ser interpretados como um desempenho, ou perspectiva, não favorável.

Na comparação com janeiro, o indicador ficou estável.

"O resultado de fevereiro ficou ainda muito inferior ao observado no início de 2012", diz Eduardo Zaidan, vice-presidente de economia do SindusCon-SP.

Segundo ele, uma das explicações é que ao longo do ano passado as expectativas vieram se deteriorando. Assim, mesmo com a estabilidade em relação a janeiro, o indicador continua a apresentar queda na variação anual.

No caso do empresário do Estado de São Paulo, o índice foi para 52,3, com alta de 0,7% ante janeiro.

Na comparação anual, houve queda de 6,1%.

Fonte: BOL Notícias

x
Gostou deste conteúdo? Cadastre-se para receber gratuitamente nossos boletins: