Governo promete corrigir o Sinapi

Texto: Redação AECweb

Processo de revisão do Sistema Nacional de Pesquisa de Custos e Índices da Construção Civil foi autorizado

19 de agosto de 2010 - A Casa Civil da Presidência da República autorizou o início do processo de revisão do Sinapi (Sistema Nacional de Pesquisa de Custos e Índices da Construção Civil), com base nas propostas apresentadas pela CBIC (Câmara Brasileira da Indústria da Construção), com apoio do SindusCon-SP.

Este foi o resultado de reunião realizada na semana passada entre a subchefe de Articulação e Monitoramento da Casa Civil, Miriam Belchior, e representantes da Comissão de Obras Públicas da CBIC, entre os quais o vice-presidente de Obras Públicas do SindusCon-SP Luiz Antonio Messias.

Os preços utilizados pelos órgãos de controle do governo no monitoramento das contratações de obras e serviços de engenharia utilizam como base o Sinapi. Ocorre que a metodologia utilizada para apurar esses preços em muitos casos está defasada ou é feita de forma incompleta. Além disso, os preços médios apurados nacionalmente frequentemente não refletem as distintas realidades regionais.

Na reunião, os representantes da CBIC apresentaram à Casa Civil e à Caixa um amplo estudo da Pini, coordenado por Luiz Antônio Messias na parte de infraestrutura e por Osvaldo Garcia da Apeop na de edificações, mostrando as deficiências do Sinapi. Ficou acertada a realização de uma reunião técnica, ainda neste mês, visando iniciar o processo de correção. Além disso, a Caixa se comprometeu a já corrigir ou completar o que for necessário.

Fonte: Sinduscon – SP