Banner AECweb
menu-iconPortal AECweb

Imóveis invadem os shoppings do Rio de Janeiro

Texto: Redação AECweb

Construtoras adotam estratégia para estarem mais próximas dos clientes e ocupam os corredores comerciais mais movimentados da cidade

13 de maio de 2009 - As tradicionais lojas dos shoppings passaram a disputar espaço com as construtoras que investem pesado na estratégia de estar cada vez mais perto dos clientes para apresentar seus lançamentos imobiliários.

A iniciativa agrada os interessados na compra do imóvel. Pesquisadas construtoras revela que o número de visitas chega a ser superior ao do estande, onde o empreendimento será construído.

A Rossi Residencial, por exemplo, abriu duas lojas em shoppings, uma no Rio Design Barra e a outra no Nova América, que conta com a cópia fiel do apartamento decorado do Aquagreen, na Barra.

Segundo o diretor regional da Rossi, Marco Adnet, a nova estratégia já rendeu 80 escrituras assinadas e 20 reservas, desde a inauguração da loja do Nova América, no Natal. No total, foram 4.800 visitas, sendo que 1.500 com atendimento. O volume de negócio, em média, foi de R$ 15 milhões.

A RJZ Cyrela também utiliza o modelo. A empresa conta com três lojas no West Shopping, Center e Rio Plaza (Campo Grande, Jacarepaguá e Botafogo), além dos espaços no Ilha Plaza e no Shopping Itai-pava. A RJZ Cyrela adianta que já está negociando com outros poios comerciais.

A Brascan já esteve com quiosque no Norte Shopping. De acordo com o superintendente de Incorporação da empresa, Alexandre Frickmann, a iniciativa é muito positiva porque os shoppings são locais de grande circulação de pessoas: "Estamos negociando com o Norte Shopping e Nova América para colocarmos quiosques do empreendimento Norte Village, no Cachambi. Esse condomínio é em parceria com a Living, da RJZ Cyrela", adianta.

Fonte: O Dia

x
Gostou deste conteúdo? Cadastre-se para receber gratuitamente nossos boletins: