Banner AECweb
menu-iconPortal AECweb

Incêndio na China atinge edifício corporativo de 42 andares

Texto: Redação AECweb/e-Construmarket

Apesar da magnitude do acidente, o fogo que atingiu o edifício da China Telecom não deixou vítimas

foto do prédio na china que foi incendiado
O primeiro pedido de socorro foi feito às 15h48, no horário local, e o fogo foi extinguido por volta de 16h30 (Foto: Xinyan Huang/Divulgação)

19/09/2022 | 12:00   Na última sexta-feira (16), um edifício corporativo de 42 andares foi atingido por um incêndio na China, na capital da Província de Hunan, Changsha. Com 218 metros de altura, o prédio é da China Telecom (CCTV) e abriga uma empresa estatal de telecomunicações do país.

Segundo anúncio divulgado pelos bombeiros locais, o incêndio já foi controlado e não houve registro de vítimas. Entretanto, os profissionais ainda não conseguiram identificar as causas do acidente. “De acordo com uma investigação preliminar, a suspeita é de que o fogo teria surgido de uma parede externa do prédio”, contaram os oficiais.

Eles também disseram que o primeiro pedido de socorro foi feito às 15h48, no horário local, e o fogo extinguido por volta de 16h30. “O incêndio foi apagado e as comunicações não foram interrompidas”, anunciou a empresa, por meio de comunicado. A CCTV informou que o prédio teve a sua construção finalizada em 2000, e que a ausência de vítimas pode ter relação direta com a relativa modernidade do arranha-céu.

x
Gostou deste conteúdo? Cadastre-se para receber gratuitamente nossos boletins: