Lançamento de imóveis em SP sobe 5,8% em julho

Texto: Redação AECweb

Imóveis de dois dormitórios destacaram-se no mês, com 1.405 unidades e participação de 51,4% no total lançado.

20 de setembro de 2011 - Os lançamentos de unidades residenciais no município de São Paulo somaram 2.732 em julho deste ano, com queda de 13,7% em relação a junho de 2011 (3.167 unidades). Ante julho de2010, entretanto, houve alta de 5,8%. Os dados são da (Empresa Brasileira de Estudos de Patrimônio), divulgados hoje pela Embraesp.

Os imóveis de dois dormitórios destacaram-se no mês, com 1.405 unidades e participação de 51,4% no total lançado.

No acumulado de janeiro a julho, as empresas lançaram um total de 16.724 unidades na cidade de São Paulo, com crescimento de 3,5% em relação a igual período de 2010 (com 16.163 unidades lançadas).

As vendas e lançamentos na Região Metropolitana de São Paulo (RMSP), composta por 39 municípios, incluindo a Capital, contabilizou 4.554 vendas, volume 7,6% inferior ao percebido em junho (4.962 unidades).

Unidades de dois dormitórios ampliaram a participação na RMSP, respondendo por 60,5% do total negociado, ante os 49,4% registrados na Capital. Quanto ao desempenho, o indicador VSO (Vendas Sobre Oferta) da região ficou em 14,7% no sétimo mês do ano, contra 15,8% de junho.

Os lançamentos aumentaram 8,8% em relação ao mês anterior: 5.393 unidades em julho e 4.956 unidades em junho, segundo a Embraesp. O município de São Paulo representou praticamente a metade (50,7%) do total lançado da RMSP.

As vendas em 2011 acumulam 28.732 unidades, volume inferior aos 37.897 imóveis comercializados no ano passado. Os lançamentos acumulados no período, de 30.132 unidades, também ficaram abaixo do total ofertado em 2010, de 31.279 unidades residenciais.

Fonte: Investimentos e Notícias