Materiais de construção de reformas podem ser financiados com FGTS

Texto: Redação AECweb/e-Construmarket

Opção, disponível a partir do dia 1º de novembro, oferece economia

26 de outubro de 2012 - Simulações mostram que utilizar o Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) para financiar a compra de materiais de construção é mais em conta do que optar por ConstruCard (Caixa), Construshop (Itaú) ou BB Material de Construção (Banco do Brasil).

As regras para fazer construções ou reformas, num prazo máximo de 24 meses para execução usando o fundo, foram aprovadas pelo governo federal e publicadas no Diário Oficial da União, ontem. Entretanto, somente será possível utilizá-lo a partir de 1º de novembro.

O financiamento poderá ser pago em até dez anos, independentemente do valor. A taxa de juros ficou em 10,66% ao ano. Isso significa uma taxa mensal de 0,85%, ou seja, abaixo das outras linhas. As regras determinam que o valor máximo para financiamento é de R$ 20 mil, e o limite de avaliação do imóvel de R$ 500 mil.

Para usar a linha, é preciso ter conta vinculada ao FGTS e três anos de trabalho sob o regime do fundo.

Fonte: Extra