Mexichem unifica gestão das operações no Brasil

Texto: Redação AECweb

Grupo já adiantou que manterá todas as marcas comerciais e suas respectivas estratégias

11 de março de 2011 - O grupo mexicano Mexichem confirmou hoje que decidiu colocar sob o comando de uma única holding todos seus negócios no Brasil, que compreendem as empresas tubos e conexões Amanco e Plastubos, além da Bidim, fabricante de revestimentos sintéticos (não tecidos) usados por diversos setores industriais.

O nome da nova empresa é Mexichem Brasil, mas o grupo já adiantou que manterá todas as marcas comerciais e suas respectivas estratégias.

A unificação segue uma estratégia global de integração vertical dos negócios e visa facilitar a gestão, possibilitando ganhos de eficiência operacional. A executiva Marise Barroso, que já comandava as empresas do grupo, assume agora a presidência da Mexichem Brasil.

"Esta mudança contribui também para acelerar o crescimento e fortalecer a atuação do grupo no Brasil", comenta Marise em nota.

Investimentos

Junto com a criação da holding, a Mexichem anunciou hoje planos de investir R$ 148 milhões na operação brasileira neste ano, o que inclui um aumento de 20% da capacidade produtiva, além de aportes no desenvolvimento de produtos, publicidade e capacitação de profissionais.

No ano passado, a Mexichem Brasil registrou receita líquida de R$ 946 milhões, 18% acima do montante de 2009. Na mesma base de comparação, houve um aumento de 14% da produção e um avanço de 20% no resultado operacional medido pelo lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda, na sigla em inglês).

Fonte: Valor Online