Banner AECweb
menu-iconPortal AECweb

Muro da raia olímpica da USP é substituído por painéis de vidro

Texto: Redação AECweb/e-Construmarket

Divisória de concreto de 2,2 km de extensão que separava a cidade universitária e a Marginal Pinheiros será demolida para dar lugar a placas de vidro de 4 m de altura

 

muro de concreto que divide a raia olimpica da usp e a marginal tiete é substituido por paineis de vidro
Primeira etapa das obras já demoliu 500 m do muro de concreto (crédito: Marcos Santos/USP Imagens)

04/04/2018 | 18:00 – As obras de demolição dos 2,2 km do muro de concreto que divide a Raia Olímpica do campus da Universidade de São Paulo (USP) e a Marginal Pinheiros começaram no último dia 31/03. O fechamento será totalmente substituído por painéis de vidro de 4 m de altura.

De acordo com a USP, o material é cinco vezes mais resistente que o vidro comum - em caso de quebra os fragmentos permanecem grudados na película -, e proporciona isolamento acústico igual ou superior que o muro de concreto. As placas também estão recebendo adesivos com imagens para evitar a colisão das aves que voam na região.

O projeto, assinado pelo escritório de arquitetura Joia Bergamo, também prevê a revitalização de toda a área da Raia Olímpica, instalação de câmeras de monitoramento, paisagismo e iluminação por LED.

O investimento é de R$ 15 milhões e está sendo custeado por mais de 50 empresas, não onerando financeiramente a universidade.

Quer saber mais sobre obras em São Paulo? Leia:

Trem que liga São Paulo ao Aeroporto de Guarulhos é inaugurado

Projeto enterra fios nas ruas de bairro comercial no centro de SP

Maior obra de saneamento ambiental do país é retomada na Grande SP

x
Gostou deste conteúdo? Cadastre-se para receber gratuitamente nossos boletins: