Nova norma diminuirá barulho entre apartamentos

Texto: Redação AECweb

Definidos patamares de isolamento de ruídos

13 de abril de 2009 - Aquele toc-toc do caminhar de moradores do andar de cima pode estar com seus dias contados. Pelo menos nos novos prédios. Em um ano, entra em vigor a Norma de Desempenho em Edificações 15.575-3, da Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT), cuja parte 3 se refere ao desempenho acústico de piso e paredes. A norma estabelece, para as novas construções, patamares de isolamento de ruídos entre os cômodos de um imóvel e também entre os apartamentos.

O superintendente do Comitê Brasileiro da Construção Civil da ABNT, Carlos Borges, que coordenou a elaboração da norma de desempenho, explica que ela não tem força de lei, mas que os padrões fixados pela entidade são usados como parâmetro em ações de defesa do consumidor. “Não é fácil para o consumidor fazer um teste no apartamento antes de comprar. As normas são instrumentos para que ele possa reclamar na Justiça, se for necessário”, observa Borges.


Empresas podem inovar na forma de fazer o isolamento
O superintendente da ABNT explica que o prazo de carência - no caso, de um ano - existe para que as construtoras possam adaptar seus processos. Borges ressalta ainda que a norma cobra o resultado a ser atingido, mas não a forma como ele será obtido. “Assim, pretendemos estimular a inovação tecnológica, já que as empresas podem desenvolver seus próprios sistemas para atingir o resultado”, finaliza.

Fonte: O Globo