Obras do estádio do Corinthians avançam em 55%

Texto: Redação AECweb/e-Construmarket

Um dos principais marcos deste início de novembro foi a colocação do quinto módulo da estrutura metálica da cobertura do prédio leste

12 de novembro de 2012 - A construção do futuro estádio do Corinthians registra cerca de 55% de avanço, com 2. 200 trabalhadores no canteiro de obras, divididos em três turnos. Um dos principais marcos deste início de novembro foi a colocação do quinto módulo da estrutura metálica da cobertura do prédio leste. Com até 75 metros de comprimento e pesando 150 toneladas, cada peça foi içada e montada pelo maior guindaste sobre esteiras em operação no Brasil, com uma equipe de 50 homens. O guindaste tem lança de 114 metros e capacidade para 1.500 toneladas.

Já chegou ao fim a fabricação dos elementos pré-moldados de concreto (pilares e vigas) dos quatro prédios que compõem o estádio. Foram mais de 16 mil peças, a maioria das quais já assentada. A área em que será plantado o gramado já não é mais um depósito de pré-moldados, que agora ocupam uma pequena área no estacionamento do setor oeste. Em breve, começam os trabalhos de preparação da área para o início das obras de subestrutura do gramado.

Os degraus das arquibancadas inferior e superior do setor leste  estão assentados e os trabalhos de montagem nas arquibancadas do setor oeste, sul e norte estão em fase final de conclusão. Dois dos túneis que servirão de saídas de emergência nos dias de jogos e shows estão praticamente concluídos, bem como a galeria subterrânea de serviço, agora em fase de acabamento.

Também estão sendo executados serviços de acabamento em vários pontos da obra, a começar pelos banheiros e nos espaços reservados para as concessões de lojas e lanchonetes. Em alguns banheiros, onde já brilham nas paredes as cores corinthianas, branca e negra, dos porcelanatos, começam a ser assentados os sanitários e as pias. Técnicos e operários concentram-se ainda nos trabalhos de instalação das estruturas metálicas que vão suportar a grande fachada em vidro do prédio principal, o oeste.

Os trabalhos das instalações elétricas, hidráulicas, esgoto e ar condicionado também se encontram em plena execução nos prédios Leste e Oeste.

Fonte: DCI