Operários da construção civil entram em greve em Pernambuco

Texto: Redação AECweb

De acordo com o sindicato dos operários, adesão é de quase 100%. Sinduscon afirma que está aberto para negociações.

31 de outubro de 2011 - Os operários da construção civil entraram em greve na manhã desta segunda-feira (31), em Pernambuco. De acordo com Jefferson Gregório, diretor do Marreta (sindicato dos operários), pelo menos 80% dos canteiros de obras da Região Metropolitana do Recife já estão parados e o sindicato está passando nos locais que ainda estão funcionando para pedir que eles parem.

Uma passeata está programada para a manhã desta segunda, saindo da Rua da Concórdia, nas proximidades da Praça Sérgio Loreto, e percorrendo algumas ruas do Centro da cidade, sem roteiro definido. Entre as reinvindicações, estão um reajuste salarial de 15%, hora extra de 100% aos sábados e melhores condições de trabalho nos canteiros. “A greve é por tempo indeterminado”, afirma Gregório.

O diretor de relações trabalhistas do Sindicato da Indústria da Construção Civil (Sinduscon) em Pernambuco, Érico Furtado, afirma que estão abertos a negociações. “Fizemos uma oferta na última segunda-feira (24) e depois fomos informados da greve, mas não tivemos resposta sobre a nossa oferta. A posição do Sinduscon é de não entrar em confronto. Estamos em diálogo, como estivemos nos últimos 10 anos”, explica Furtado.

Fonte: G1