Banner AECweb
menu-iconPortal AECweb

Preço do aluguel de imóveis residenciais recua 1,3% em São Paulo

Texto: Redação AECweb/e-Construmarket

De acordo com a pesquisa realizada pelo Secovi-SP, deflação no período de doze meses acelerou em fevereiro e ficou abaixo do Índice Geral de Preços – Mercado (IGP-M)


Os imóveis de um e três dormitórios foram os que apresentaram maior retração em fevereiro (crédito: Donatas Dabravolskas / shutterstock)

13/04/2018 | 09:25 – O preço do aluguel residencial na cidade de São Paulo recuou 1,3% no período dos doze meses encerrados em fevereiro de 2018. O resultado é da pesquisa de locação residencial, elaborada mensalmente pelo Sindicato da Habitação do Estado de São Paulo (Secovi-SP).

O número é inferior ao observado no período encerrado em janeiro (-0,99%) e do Índice Geral de Preços – Mercado), medido pela Fundação Getúlio Vargas, que apresentou queda de 0,42% no mesmo período.

As moradias que sofreram as maiores retrações em fevereiro foram as unidades de três dormitórios – queda de 1,2% – seguidas por aluguéis dos imóveis de um dormitório, com redução média de 1%. Por outro lado, as residências de dois quartos tiveram as menores diminuições nos valores locatícios, com 0,25%.

Entre as opções de garantia, o fiador continua sendo o mais frequente nos contratos de locação, correspondendo a 46% do total. A caução com depósito de três meses foi a segunda modalidade mais utilizada, com 37,5% de participação. Por último está o seguro-fiança, preferência de 16,5% dos inquilinos.

Quer saber mais sobre o mercado imobiliário? Leia:

Governo aumenta limite de renda para faixas intermediárias do MCMV

MS e Prefeitura fazem mutirão para construir casas em Campo Grande

x
Gostou deste conteúdo? Cadastre-se para receber gratuitamente nossos boletins: