Presidente da Abramat faz visita ao SindusCon-SP

Texto: Redação AECweb/e-Construmarket

Visitantes informaram que a indústria de materiais de construção prevê aumento de custos

11 de fevereiro de 2014 - A Abramat (Associação Brasileira da Indústria de Materiais de Construção), espera um aumento no valor das vendas de 4,5% em 2014, acima, portanto, do resultado de 3% registrado em 2013. Já as vendas de cimento neste ano deverão crescer, em volume, entre 2% e 3% (em 2013, o crescimento foi de 2%).

As estimativas foram relatadas por Walter Cover, presidente executivo da Abramat, e por Marcelo Chamma, vice-presidente, ao visitarem o SindusCon-SP em 10 de fevereiro. Foram recebidos pelo presidente do sindicato, Sergio Watanabe, e pelo vice-presidente de Imobiliário, Odair Senra, acompanhados do superintendente José Luiz Machado e da coordenadora de Marketing, Ana Eliza Gaido.

Os visitantes informaram que a indústria de materiais prevê aumento de custos, mas segue empenhada no aumento da produtividade. Uma vez que apenas 5% deste mercado corresponde aos insumos importados, eles disseram acreditar que a maior variação cambial não terá reflexo importante.

Para incrementar o desenvolvimento do país, Chamma defendeu a necessidade de um trabalho conjunto com foco nos pilares de transformação da nação e no papel que a construção pode exercer. No mesmo sentido, o presidente do SindusCon-SP defendeu a união da cadeia produtiva para a elaboração de uma pauta de discussão de propostas com os candidatos à Presidência da República.

O SindusCon-SP ainda reafirmou o convite para a Abramat participar da realização do ConstruBR, evento que reunirá Congresso, Feira e Rodada de Negócios em 23 e 24 de abril, no Expo Transamérica, em São Paulo.

Fonte: Sinduscon-SP