Banner AECweb
menu-iconPortal AECweb

Presidente da ProAcústica é reeleito

Texto: Redação AECweb/e-Construmarket

David Akkerman prevê a criação de uma Certificação de Qualidade para empresas associadas e de um ‘Selo Acústico’

30 de outubro de 2013 - Em Assembleia Geral Ordinária realizada em 12 de setembro, o engenheiro Davi Akkerman foi reeleito presidente da Diretoria Executiva. Das atuais empresas associadas, 73% participaram do processo composto por uma chapa única. A gestão do biênio 2014-2015 também irá contar com novos diretores e conselheiros (veja no final dessa reportagem). Após quase três anos à frente da ProAcústica, Davi Akkerman afirma que a massiva captação de associados em tão pouco tempo, cerca de 70 empresas de existência impressiona e motiva.

Para o biênio 2014-2015, o presidente reeleito da ProAcústica, diz que uma das principais metas é prosseguir com a captação de novos sócios para o fortalecimento da entidade. “Teremos um novo diretor vice-presidente, especialmente escolhido para fazer captação de recursos associativos, que é o Edison Claro de Moraes. Tenho certeza que esse tema terá um enfoque especial“, declara Akkerman.

Entre os objetivos da próxima gestão estão a divulgação de um guia prático de acústica para aplicação da Norma de Desempenho; a realização de uma nova rodada de ensaios interlaboratoriais; a criação de um banco de dados de sistemas construtivos e ensaios de campo, em conjunto com outras entidades do setor; a criação de uma Certificação de Qualidade para empresas associadas da ProAcústica e de um “Selo Acústico”; a implementação do “Ruidômetro”, aplicativo para qualificar a acústica de restaurantes; aprofundamento das articulações politicas, visando implementação das Cartas Acústicas nas grandes cidades brasileiras; e mobilização de associados, ao lado do departamento jurídico para obtenção de incentivos fiscais e isenções.

Realizações

Para Akkerman as conquistas da entidade foram muitas e importantes. Mas, o que ele considera mais importante, nesse período, a divulgação e a repercussão das ações da ProAcústica na mídia, sempre promovendo a acústica associada à qualidade de vida da população e ao combate à poluição sonora. Entre as principais realizações da primeira gestão, Akkerman destaca o processo de revisão das normas brasileiras de acústica (NBR 10.151 e 10.152), a exigibilidade da Norma de Desempenho (NBR 15.575) a partir de julho deste ano, com o importante capítulo de acústica nas edificações, que contou com a intensa participação e dedicação dos membros da ProAcústica.

Outra realização importante, diz Akkerman, foi a criação do curso de pós-graduação lato sensu de “Formação em Engenharia Acústica de Edifícios e Ambiental”, realizado pela ProAcústica, em parceria com a POLI Integra, da Escola Politécnica da USP, Fundo para o Desenvolvimento Tecnológico da Engenharia (FDTE), e Instituto Superior Técnico, da Universidade Técnica de Lisboa (IST), de Portugal. “O curso de 120hs, realizado na Poli-USP, foi um grande sucesso e formou 33 profissionais. Os alunos receberam o Diploma de Formação Avançada (DFA) em Engenharia Acústica, e contaram com professores de alto nível, entre especialistas nacionais e internacionais”, explica.

Akkerman também aponta o “Curso Desempenho Acústico de Edifícios Residenciais: Aplicação da Norma ABNT NBR 15.575”, que será realizado na Universidade Secovi, em São Paulo, nos dias 30 e 31 de outubro, criado para orientar os profissionais do setor de construção na aplicação dos quesitos da norma, agora obrigatória. Além da elaboração do Manual de Escopo de Serviços de Projeto de Acústica para o Secovi-SP e a realização inédita, no Brasil, da primeira rodada de Ensaios Interlaboratoriais, com a participação de sete laboratórios nacionais de acústica de medições de campo. Os principais objetivos dos ensaios são a avaliação da precisão dos métodos de medição e suas incertezas, (ISO 140-4; ISO10052; ISO 3382-2) e a avaliação de performance, uma ferramenta imprescindível para o controle de qualidade e da melhoria contínua dos laboratórios.

Projeção

Segundo Akkerman, a aceitação da ProAcústica como membro oficial do International Institute of Noise Control Engineering (I-INCE), entidade mundial de grande projeção na área de acústica, e a afiliação à FIA (Federação Ibero-americana de Acústica) foram os primeiros passos para dar maior credibilidade e visibilidade internacional à associação. Também foi realizada uma parceria com a Associação Drywall para publicação do Manual de Desempenho Acústico dos Sistemas Drywall, e com a Asbea (Associação Brasileira dos Escritórios de Arquitetura) para publicação do Manual de Projetos Sustentáveis.

O presidente da ProAcústica destaca ainda a realização de dois eventos e ações no Dia Internacional de conscientização sobre o Ruído (INAD), com grande repercussão no setor e na mídia, além da participação nos melhores congressos internacionais de acústica, tais como o Internoise, ICA e Forum Acoustics. “Toda essa movimentação gerou o apoio de importantes players do setor da construção civil, tais como a Asbea e o Instituto de Engenharia, além de convites para apresentações e palestras em diversos eventos, como Feicon, Revestir, Seminários no Secovi-SP, no Ibape, Asbea, Sobrac, além de eventos públicos como o que ocorreu na Câmara Municipal e na Assembleia Legislativa de São Paulo, entre outros”, lembra Akkerman.

Fonte: PróAcústica

 

 

x
Gostou deste conteúdo? Cadastre-se para receber gratuitamente nossos boletins: