Pretensão de investimento na construção civil está em queda

Texto: Redação AECweb

Expectativa sobre as ações do governo para o desenvolvimento do setor também recuou

03 de janeiro de 2012 - As pretensões de investimento do setor da construção civil (por 12 meses) estão em queda em dezembro, de acordo com o Termômetro da Associação Brasileira da Indústria de Materiais de Contrução (Abramat), divulgado na última segunda-feira. Das empresas consultadas, 68% disseram que pretendem investir nos próximos meses, contra 77% que tinham a mesma intenção em setembro.

As expectativas em relação às ações do governo para o desenvolvimento do setor também recuaram. No início do ano, 70% das indústrias ouvidas estavam otimistas, mas no termômetro de dezembro, esse número caiu para 44%.

- As vendas da indústria em 2011 não foram dentro do esperado. Nosso crescimento ficou bem abaixo da estimativa inicial de 9% e devemos fechar o ano com crescimento de 3% no máximo. Nossa preocupação agora é com o próximo ano, por isso estamos pleiteando junto ao governo ações efetivas para garantir o crescimento do setor - diz Walter Cover, presidente da Abramat.

Entre as reivindicações da associação estão políticas de defesa comercial, desoneração fiscal e a aceleração das obras do PAC 2 e do programa Minha Casa Minha Vida 2.

Fonte: O Globo