Banner AECweb
menu-iconPortal AECweb

Queda na venda de material de construção pode ser em torno de 5% em 2016

Texto: Redação AECweb/e-Construmarket

De acordo com o presidente da Associação Brasileira da Indústria de Material de Construção (Abramat), Walter Cover, o próximo ano não será fácil, tal como 2015

19 de novembro de 2015 - As vendas de material de construção devem reduzir o ritmo de queda no próximo ano e encerrar 2016 com recuo entre 4% e 5%, após milhares de demissões e um tombo de dois dígitos neste ano. A estimativa é do presidente da Associação Brasileira da Indústria de Material de Construção (Abramat), Walter Cover.

"Estamos produzindo e vendendo nos níveis de 2007. Achamos que por a base ser muito fraca em 2015, qualquer pequena modificação para melhor ajuda", afirmou o executivo, acrescentando que 2016 não será fácil, tal como 2015, quando o acumulado do ano até outubro, demonstrou queda de 11,1%.

Se o setor está agora no "fundo do poço", segundo palavras do próprio presidente, é esperado que os primeiros sinais de reação comecem a surgir a partir do segundo semestre de 2016. "Lá para junho ou julho começa a melhorar um pouco", afirma Cover. A perspectiva de taxas de inflação e desemprego mais estáveis e o lançamento da terceira fase do programa habitacional Minha Casa Minha Vida podem colaborar para atenuar os resultados.

Fonte: DCI

 

x
Gostou deste conteúdo? Cadastre-se para receber gratuitamente nossos boletins: