Banner AECweb
menu-iconPortal AECweb

São Paulo terá debate sobre ruídos

Texto: Redação AECweb/e-Construmarket

Evento acontecerá para destacar o Dia Internacional da Conscientização sobre o Ruído

01 de abril de 2014 - Nos dias 28, 29 e 30 de abril, a Câmara Municipal de São Paulo realizará a 1ª Conferência Municipal sobre Ruído, Vibração e Perturbação Sonora. O SindusCon-SP, que participa da comissão técnica responsável pela organização do evento, terá como representante o membro do CTQ (Comitê de Tecnologia e Qualidade) Fábio Villas Boas.

Villas Boas estará no painel Painel 2 Legislação, Normas e avanços do licenciamento: evolução e tendências, palestrando e debatendo com Rodrigo Passos Cunha, gerente da Divisão de Avaliação de Empreendimentos de Transportes da Cetesb, e Helder José Ribeiro Soares, engenheiro especializado do Metrô.

O evento acontecerá por ocasião do Dia Internacional da Conscientização sobre o Ruído, o International Noise Awareness Day (INAD), cuja data oficial neste ano é 30 de abril. A Conferência é uma realização do vereador Andrea Matarazzo e contará com diversos painéis temáticos e a participação de especialistas brasileiros e internacionais. Com isso pretende-se criar um quadro detalhado dos problemas que o ruído causa à saúde humana e expor experiências bem-sucedidas de controle dessas emissões no Brasil, Espanha e Portugal.

A Conferência anual é aberta à população e reunirá autoridades, estudiosos, entidades da sociedade civil organizada e representantes do meio acadêmico, entidades de classe com o propósito de combater a poluição sonora e propor iniciativa para a melhoria acústica na cidade.

O objetivo é sensibilizar poderes públicos e sociedade em geral acerca dos impactos negativos causados por ruídos e vibrações sonoras na saúde humana, criando, assim, diretrizes eficazes para atuação legislativa e administrativa. Entre os temas tratados estão o mapeamento sonoro das cidades, ferramentas e metodologias para diagnóstico e planejamento da gestão ambiental urbana; legislações e normas; qualidade de vida, bem-estar e saúde pública; e políticas públicas para redução, gestão e controle de ruídos urbanos.

Também serão apresentados “cases” de cidades que implantaram o mapeamento sonoro, conseguindo mudanças qualitativas em relação a ruídos, como as cidades de Almada (Portugal), Valência (Espanha) e Fortaleza (Brasil).

O evento será no Salão Nobre Presidente João Brasil Vita da Câmara Municipal de São Paulo, no Viaduto Jacareí, 100 – Bela Vista. Mais informações e inscrições: www.conferenciaruidosp.com.br.

Fonte: Sinduscon-SP

 

x
Gostou deste conteúdo? Cadastre-se para receber gratuitamente nossos boletins: