Banner AECweb
menu-iconPortal AECweb

São Paulo vai investir R$ 8 bi em habitação

Texto: Redação AECweb

Nova agência de fomento do estado prevê a construção de 150 mil moradias

29 de setembro de 2011 - O governador Geraldo Alckmin assinou ontem um decreto que cria a Agência Paulista de Habitação Social "Casa Paulista", órgão que vai funcionar como agente fomentador de habitação do estado. O plano é investir, entre 2012 e 2015, R$ 7,9 bilhões para construção de 150 mil moradias, além de financiar ações de urbanização de favelas e regularização fundiária. Os projetos serão desenvolvidos, principalmente, por meio de parceria público-privada.

Juntamente com o Banco do Povo Paulista, vinculado à Secretaria do Emprego e das Relações do Trabalho, a Casa Paulista vai oferecer uma linha de crédito de até R$ 7,5 mil para reforma ou ampliação de moradias da CDHU. Na primeira etapa, o governo prevê cerca de 12 mil microcréditos a famílias com renda de R$ 600 a R$ 3,1 mil.

Em junho, o governo divulgou um diagnóstico das moradias do estado, que apontou um déficit habitacional de 1, l milhão de residências, ou 10% do total de habitações pesquisadas. Trata-se de barracos, moradias em áreas de desmoronamento e enchentes. Outros 23% são de moradias inadequadas, isto é, localizadas em favelas, com espaço insuficiente ou de aluguel em famílias com renda de até 3 salários mínimos.

A projeção do governo é reduzir o déficit de 1,1 milhão neste ano para 840 mil em 2023. Isto considerando um cenário positivo de desenvolvimento.

Fonte: Brasil Econômico

x
Gostou deste conteúdo? Cadastre-se para receber gratuitamente nossos boletins: