Saúde do trabalhador da Construção Civil ganha destaque

Texto: Redação AECweb/e-Construmarket

Foi inaugurada mais uma sede do SECONCI com a presença do SindusCon-SP Regional de Sorocaba

26 de agosto de 2013 - A vice presidente de Responsabilidade Social do SindusCon–SP Maristela Honda e o diretor da Regional Sorocaba Elias Stefan Junior participaram na última semana da inauguração da nova sede do SECONCI-SP, Serviço Social da Construção Civil do Estado de São Paulo, em Campinas. O município foi o primeiro a ter uma unidade fora da capital há quarenta e nove anos. A eficiência dos serviços consolidou os trabalhos e por isso, uma nova sede com 750 metros quadrados foi criada.

A entidade sem fins lucrativos tem como o maior desafio promover ações de assistência social incluindo saúde e educação. A unidade de Campinas atende a região do Município e soma em média 100 mil consultas por ano. Os trabalhos que tem parceria com Secretaria Estadual da Saúde vão garantir salas de ginecologia, pediatria, oftalmologia, odontologia, clínica geral, saúde ocupacional, além das realizações de exames.

Durante a solenidade, Maristela Honda destacou que o SECONCI é o braço direito do SindusCon porque contribui com a saúde, segurança, autoestima e cuidados dos trabalhadores da Construção civil. “Eles tomam consciência da importância do uso de equipamentos de proteção nas palestras oferecidas, participam das campanhas de saúde em ambulatórios fixos e móveis levando às famílias o conceito de qualidade de vida”, afirmou.

O presidente do SECONCI- SP, Antonio Carlos Salgueiro de Araújo lembrou que a entidade nasceu de empresários ligados ao SindusCon e por isso, andam sempre juntos. Reforçou que tudo o que é feito é para a família da Construção civil porque se uma pessoa da família adoece o trabalhador não fica bem.

Para a Coordenadora do SECONCI-SP regional Sorocaba Ester Gonçalves, o serviço ajuda a desafogar os atendimentos em postos de saúde e hospitais porque o quadro médico fica à disposição dos trabalhadores da construção civil e ressaltou ainda que as empresas que se afiliam a entidade ganham com a qualidade de vida proporcionada aos seus colaboradores”.

Fonte: Seconci - SP