Banner AECweb
menu-iconPortal AECweb

Seconci-SP tem novo presidente

Texto: Redação AECweb/e-Construmarket

Sergio Porto assume o cargo para o mandato 2014-2017

26 de março de 2014 - Motivar um número cada vez maior de construtoras a utilizarem os serviços de excelência do Seconci-SP (Serviço Social da Construção Civil do Estado de São Paulo) e expandir seus serviços para a construção. Estas foram as metas anunciadas pelo representante do SindusCon-SP junto à Fiesp, Sergio Porto, em solenidade prestigiada por mais de 500 pessoas, em 20 de março, no Leopolldo Itaim, em São Paulo. Na ocasião, Porto tomou posse, para o mandato 2014-2017, na presidência daquela entidade que oferece assistência social, atendimento médico-ambulatorial e odontológico aos trabalhadores da construção e às suas famílias.

"No âmbito do serviço público, tenho a certeza de que o Seconci-SP será cada vez mais conhecido como exemplo de uma Organização Social de Saúde que deu certo. Vamos mostrar ao Brasil como é possível melhorar o serviço público de saúde com a expertise indispensável da iniciativa privada", destacou, em discurso.

"Quando ingressei nesta entidade em 1991, jamais poderia imaginar que, em 2013, iríamos realizar mais de 3,3 milhões de exames, mais de 2,1 milhões de consultas, e mais de 45 mil cirurgias, com a colaboração de mais de 9,2 mil funcionários, sendo mais de 2,1 mil médicos e 101 dentistas, em 61 unidades de atendimento, além do nosso Instituto de Ensino e Pesquisa Armênio Crestana", afirmou Porto.

Segundo o presidente, o Seconci-SP tem "a responsabilidade de gerir um orçamento anual de cerca de R$ 800 milhões, melhorando a saúde e a qualidade de vida dos trabalhadores da construção, de seus familiares, e da população atendida por meio dos serviços públicos que gerenciamos: no âmbito estadual, 4 hospitais, 1 plataforma logística, 1 central de diagnóstico por imagem e 2 Ambulatórios Médicos de Especialidades. E em parceria com a Prefeitura de São Paulo, 4 Unidades de Assistência Médica Ambulatorial e o Território Penha/Ermelino Matarazzo."

"Nossa atividade construtiva é indispensável para o desenvolvimento do país. Nossa ação de Responsabilidade Social melhorou muito a saúde no Estado de São Paulo. Nosso desafio é associarmos cada vez mais os benefícios de ambas. Por isso, assumo a presidência do Seconci-SP imbuído do ideal de que o importante não é só viver e sim conviver e, sobretudo, participar", declarou.

Agradecimentos – Porto ressaltou que "tudo isso não teria sido possível sem o trabalho abnegado dos fundadores do Seconci-SP e de seus seguidores", homenageando-os na pessoa do presidente Antonio Carlos Salgueiro de Araújo, que encerrou seu segundo mandato consecutivo.

"Nos quatro anos de sua gestão, o Seconci-SP expandiu notavelmente suas atividades na capital e no interior, criando novas unidades, ampliando as existentes e investindo em tecnologia. Neste período, o Sistema de Gestão da Saúde da entidade nos serviços públicos do Estado e da Prefeitura conquistou certificações de qualidade nacional e internacionais."

O novo presidente também destacou "o abnegado concurso do nosso Conselho Deliberativo, e dos nossos diligentes funcionários, a quem agradeço de coração pelo comprometimento incansável que têm demonstrado. Todos vocês, bem como as inúmeras construtoras que sempre têm nos apoiado, ajudaram a engrandecer o nome da construção."

Presenças – Compuseram a mesa da solenidade, entre outras autoridades, o secretário adjunto estadual de Habitação, Marcos Rodrigues Penido, representando o governador Geraldo Alckmin; o coordenador de Gestão de Contratos de Saúde do governo do Estado de São Paulo, Eduardo Ribeiro Adriano; o secretário municipal de Saúde, José de Filippi Jr., representando o prefeito Fernando Haddad; e os prefeitos Carlinhos Almeida (São José dos Campos) e Hamilton Ribeiro Mota (Jacareí).

Também integraram a mesa, entre outras lideranças da construção além de Porto e Araújo, os presidentes Sergio Watanabe (SindusCon-SP), Basilio Jafet (Fiabci Brasil), Luis Costa (Apemec), José Silvio Valdissera (Sindinstalação), Arlindo Moura (Conselho Consultivo da Apeop), José Crestana (Conselho Consultivo do Secovi-SP); Antonio Ramalho (Sintracon); o vice-presidente da CBIC, José Carlos Martins; e o diretor executivo da Abrainc, Renato Ventura.

Em seu discurso, Araújo fez um balanço de sua gestão, na qual o Seconci-SP conquistou uma certificação nacional e duas internacionais de qualidade em gestão de saúde. E lançou um apelo pelo endurecimento do Código Penal e por maior celeridade da Justiça, para combater a violência e a impunidade.

Novo Conselho – Na ocasião, tomaram posse os membros do Conselho Deliberativo presidido por Porto: o vice-presidente Haruo Ishikawa (também vice-presidente de Relações Capital-Trabalho do SindusCon-SP), o vice-presidente Financeiro, José Silvio Valdissera, e os conselheiros Sergio Watanabe (presidente do sindicato), Maristela Honda (vice-presidente de Responsabilidade Social do SindusCon-SP), Roberto José Falcão Bauer (conselheiro consultivo do sindicato), Antonio Carlos Salgueiro de Araujo, Cesar Scatena, Darci Pinto Gonçalves, Renato Ventura e Yves Mifano.

Fonte: Sinduscon – SP

 

x
Gostou deste conteúdo? Cadastre-se para receber gratuitamente nossos boletins: