Banner AECweb
menu-iconPortal AECweb

SP inicia obras do túnel de ligação entre as linhas 2-Verde e 4-Amarela do Metrô

Texto: Redação AECweb/e-Construmarket

O Governo do Estado também autorizou o início da construção de um novo acesso à Estação Paulista

foto estação amarela do metrô de sp
A construção será feita pelo método austríaco NATM, onde chega-se à profundidade desejada e depois inicia-se a escavação horizontal até o ponto de destino (Foto: Alf Ribeiro/Shutterstock)

30/11/2022 | 13:48 –  O Governo do Estado de São Paulo autorizou, na última terça-feira (29), o início das obras para a construção do novo túnel de ligação entre as linhas 2-Verde e 4-Amarela do Metrô. As estações interligadas serão a Consolação e a Paulista.

O investimento inicial será de R$ 63,5 milhões, que também inclui uma segunda obra — a construção de um novo acesso da estação da Linha 4-Amarela à Rua Bela Cintra. O intuito de ambas as iniciativas é aprimorar o fluxo de passageiros com o aumento da capacidade de circulação de pessoas, ao mesmo tempo que proporciona mais conforto e acessibilidade.

“Esta é uma obra complexa que vai levar três anos, mas quando estiver pronta, vai mudar a vida das pessoas que acessam a estação e fazem a interligação das duas linhas. Essa é uma obra de mais de R$ 60 milhões que vai melhorar muito o fluxo de pessoas”, disse Rodrigo Garcia, governador de São Paulo.

Com a autorização, será emitida a primeira ordem de serviço para o Consórcio Conexão Paulista/Consolação iniciar os preparativos da escavação e obra, além da montagem do canteiro, que inclui o remanejamento de redes de infraestrutura que passam pela região e planejamento dos desvios de tráfego junto à Companhia de Trânsito. A conclusão do túnel deve ser feita em até 36 meses.

O novo acesso Bela Cintra, por sua vez, terá investimento de R$ 2,5 milhões e será feito pela empresa Ina Serviços Técnicos, que vai receber a Ordem de Serviço para iniciar os preparativos da obra a ser concluída em 3 meses.

Com capacidade para receber 18 mil passageiros por hora, o principal benefício do novo túnel será a distribuição do fluxo de passageiros, proporcionando às pessoas uma conexão com mais espaço para circulação. A ideia é que ele seja utilizado para as pessoas que seguem da estação Consolação (Linha 2-Verde) para a Paulista (Linha 4-Amarela). Isso vai liberar a atual ligação para ser usada apenas para quem segue no sentido oposto.

Serão cerca de 90 metros de extensão do novo túnel com profundidade que vai variar entre 20 e 25 metros, pois ele terá uma leve inclinação. Serão 7,5 metros de largura por 5,5 metros de altura. A estrutura também vai contar com equipamentos de ventilação e sensores para a contagem de passageiros que fazem a transferência.

A construção será feita pelo método austríaco NATM, onde chega-se à profundidade desejada e depois inicia-se a escavação horizontal até o ponto de destino. Essa escavação inicial deve ser feita por um poço em um canteiro que será montado na calçada da Avenida Paulista, entre as ruas da Consolação e Bela Cintra. Ao fim da obra, esse poço será utilizado para exaustão e ventilação do novo túnel.

x
Gostou deste conteúdo? Cadastre-se para receber gratuitamente nossos boletins: