Banner AECweb
menu-iconPortal AECweb

Tribunal de Contas libera concessão de complexo esportivo no DF

Texto: Redação AECweb/e-Construmarket

Vencedor da licitação poderá explorar economicamente os equipamentos esportivos por 35 anos e deverá realizar obras de modernização do empreendimento


ArenaPlex é formado pelo estádio Mané Garrincha, o ginásio Nilson Nelson e o complexo aquático Cláudio Coutinho (Créditos: divulgação/ TC-DF)

22/02/2019 | 16:59 - O Tribunal de Contas do Distrito Federal (TC-DF) autorizou a continuidade do processo de concessão à iniciativa privada do complexo esportivo ArenaPlex, formado pelo estádio Mané Garrincha, o ginásio Nilson Nelson e o complexo aquático Cláudio Coutinho. O consórcio vencedor da licitação, RNGD Consultoria de Negócios, vai explorar o espaço por 35 anos e deverá realizar obras de modernização e reforma do empreendimento.

A previsão é de que sejam construídas salas de cinema, teatro, restaurantes e clínicas para compor o bulevar. A concessionária será responsável por reconstruir o complexo aquático Cláudio Coutinho, além de promover os eventos no estádio Mané Garrincha e no ginásio Nilson Nelson.

O valor de outorga mínima é de R$ 5 milhões por ano, montante que poderá ser revisto a cada cinco anos conforme os valores recebidos pelo futuro concessionário a título de aluguel, bem como gastos com obras e reformas.

Durante o período de concessão, o negócio deve movimentar R$ 387 milhões. Segundo o Governo do DF, a Agência de Desenvolvimento (Terracap) deixará de gastar R$ 370 milhões e a gestão estadual deve arrecadar R$ 700 milhões em impostos.

x
Gostou deste conteúdo? Cadastre-se para receber gratuitamente nossos boletins: