Banner AECweb
menu-iconPortal AECweb

Venda de imóveis novos em São Paulo cresce 26,6% no primeiro trimestre

Texto: Redação AECweb

Alta registrada levou à reavaliação sobre a taxa de crescimento prevista para o ano

09 de maio de 2012 - O mercado de imóveis novos residenciais em São Paulo registrou alta de 27% no primeiro trimestre deste ano, em termos reais (valor relacionado às vendas), em comparação ao mesmo período de 2011. Em número de unidades vendidas, houve aumento semelhante, 26,6%, com 5,4 mil móveis negociados contra 4.265, no mesmo período do ano passado.

Os dados foram divulgados nesta terça-feira (8) pelo Sindicato da Habitação de São Paulo (Secovi-SP). A alta registrada levou à reavaliação sobre a taxa de crescimento prevista para o ano. Anteriormente, a projeção era 5%. Depois dos dados referentes ao primeiro trimestre, a previsão foi revisada para cima, dobrando o percentual para 10%.

De acordo com o Secovi, os imóveis de dois e três dormitórios são os mais procurados para a compra em São Paulo. A procura por esse tipo de residência aumentou de 72,9%, no primeiro trimestre de 2011, para 81,9%, de janeiro a março deste ano. As unidades de dois dormitórios representam 50% do volume total negociado nesse período.

A região metropolitana de São Paulo, que é formada pela capital e mais 38 municípios, no entanto, registra desaquecimento nas vendas. No primeiro trimestre de 2011, foram negociados 10.162 imóveis. Pelos dados do Secovi, houve queda de 4,5%, em igual período em 2012, quando foram comercializados 9.703.

Fonte: DCI

x
Gostou deste conteúdo? Cadastre-se para receber gratuitamente nossos boletins: