Embraeco lança programa sustentável que paga por peça devolvida

EcoCashBack dá R$ 2 por peça descartada, ajudando o meio ambiente e garantindo mais economia ao cliente

Embraeco
Todas as peças produzidas pela Embraeco participam do EcoCashBack (Foto: Divulgação/Embraeco)

Segundo a ABRECON (Associação Brasileira para Reciclagem de Resíduos da Construção Civil e Demolição), o Brasil gera 84 milhões de metros cúbicos de resíduos de construção civil e demolições por ano. O índice assusta e faz o setor repensar o modo de produzir e descartar materiais de forma mais sustentável e viável.

Uma das alternativas é a da economia circular, que visa a utilização de matérias-primas reaproveitadas. Assim, é possível depender menos de novos recursos naturais.

A Embraeco – empresa especializada em tapumes, placas e telhas – decidiu ir além e criou, no começo de 2023, o projeto EcoCashBack. Trata-se de uma iniciativa para reutilizar as peças descartadas pelos clientes na fabricação de novos produtos.

Porém, o grande diferencial do projeto é que, além de ajudar na sustentabilidade, o cliente economiza, pois não precisa gastar com outras formas de descartes. E ainda ganha dinheiro por cada peça descartada.

“A iniciativa EcoCashBack consiste na logística reversa das próprias peças que serão recicladas e transformadas em novos tapumes, placas e telhas ecológicas. Os parceiros ganham R$ 2 por peça devolvida. Desse modo, todos saem ganhando, principalmente a natureza”, comenta Pedro Toledo, sócio da Embraeco.

Para participar basta enviar as peças limpas e sem elementos de fixação, como pregos, sarrafos e parafusos para a sede da empresa, em Piracicaba (SP).

Produtos Embraeco
Para participar do EcoCashBack, o cliente precisa devolver as peças totalmente limpas e sem elementos de fixação (Foto: Divulgação/Embraeco)

Os produtos da Embraeco

Tapumes – feitos por resíduos plásticos, são utilizados para fechamentos de obras ou delimitações de espaços. Lisos ou ondulados, são encontrados nas cores verde ou natural dos resíduos;
Placas – com espessuras e composições variadas, são usadas em jardins verticais, construção civil, avicultura e outras soluções;
Telhas – fabricadas com resíduos plásticos, as telhas são encontradas nas linhas: Maneat (mais encorpada e com coloração homogênea) e Mutatio (feita com resíduos mais flexíveis e em diversas cores);
Projetos personalizados – com os produtos da Embraeco é possível criar soluções personalizadas, como tampas de mesa, ecobanheiros e estufas vegetais.

Conheça mais a empresa

A Embraeco foi fundada em 2020 com a missão de criar soluções ecológicas e sustentáveis. Alinhada com os propósitos da ESG (Environmental, Social and Governance ou Sustentabilidade ambiental, Social e Governança Corporativa), a empresa também possui a certificação IBDN (Instituto Brasileira de Defesa da Natureza).

"A Embraeco busca poupar recursos naturais e trazer de volta ao ciclo produtivo os resíduos plásticos, além de realizar a gestão participativa junto aos colaboradores, visando desenvolver habilidades de convívio social, criando relações sustentáveis com o meio ambiente, colaboradores, clientes e fornecedores", diz Toledo.

A empresa usa resíduos plásticos, principalmente o PEBD Aluminizado, e aceita o recebimento desses resíduos caso sejam descartados.

Mercado da obra

Produtos Relacionados

MAIORES INFORMAÇÕES

Informativos Técnicos