Soluções para pisos que dissipam cargas eletrostáticas

Material empregado nesse tipo de projeto deve apresentar características especiais e a Única Laminados oferece produtos que atendem às diferentes necessidades

Formipiso Dissipativo
Formipiso Dissipativo é ideal para áreas que precisam lidar com eletricidade estática (Foto: Divulgação/Formica)

Em locais como centros de processamento de dados, salas cirúrgicas e ambientes onde são realizados determinados exames, uma das principais preocupações é a dissipação de cargas eletrostáticas. Geralmente, essa ação acontece por meio de um sistema de aterramento (malha de fitas de cobre) posicionado abaixo do piso. Além disso, tanto o revestimento quanto o adesivo aplicado sobre ele precisam apresentar propriedades condutivas. Quando possuem tais características, esses pisos são conhecidos como antiestáticos, condutivos ou dissipativos.

Para cumprir essa função, a Única Laminados oferece produtos que atendem às diferentes necessidades.

Um deles é a manta vinílica homogênea IQ Toro SC da Tarkett, ideal para situações em que o substrato que receberá o revestimento é o próprio contrapiso. A manta homogênea pode ser adquirida em rolos com 2 m de largura, possui excelente resistência à abrasão e limpeza fácil. Além disso, tem base constituída por carbono puro e conta com a adição de partículas de carbono em sua espessura para aprimorar a propriedade condutiva.

IQ Toro SC é a melhor escolha para ambientes que necessitam do controle da condutividade elétrica, como indústrias eletrônicas, petroquímicas, farmacêuticas, de telecomunicações e instalações hospitalares. A instalação do produto deve ser feita por profissional especializado.

PISO DISSIPATIVO

Nas situações em que a dissipação das cargas eletrostáticas deve acontecer em espaços com piso elevado, a solução mais indicada é o Formipiso Dissipativo. Também oferecido pela Única Laminados e desenvolvido pela Formica, trata-se de um revestimento em placas ou chapas para ser aplicado sobre contrapisos cerâmicos ou de concreto, pisos elevados de chapa de aço, alumínio, aglomerado, MDF (Medium Density Fiberboard) ou em composições inorgânicas. Sendo, assim, indicado para centros de processamento de dados, centrais telefônicas, estúdios de gravação, entre outros.

Com valores de resistividade superficial que se enquadram na faixa exigida pela norma ASTMD-257 (105 a 109 ohms/m²), o produto cumpre o seu papel por conta da adição de partículas dissipativas às resinas sintéticas que saturam o material de reforço do componente. Essas partículas são distribuídas de maneira uniforme na superfície e na espessura do piso.

Mercado da obra

Produtos Relacionados

MAIORES INFORMAÇÕES

Catálogos para download

VER MAIS CATALOGOS
Download de catálogo

Rodapés e Guarnições Coleção Colors

Informativos Técnicos