Filtrar

PESQUISE POR ESTADO E REGIÃO

REGIÃO DE ATENDIMENTO

O Lustre é um item decorativo que faz toda a diferença em um ambiente. Em salas de estar e jantar, principalmente, ele costuma ser o centro das atenções. Às vezes majestoso, às vezes mais simples, o fato é que ele exerce o seu papel no projeto luminotécnico.

Lustre Slim
Lustre Slim
Lustre Tom Tom
Lustre Tom Tom
Lustre Vibra
Lustre Vibra
Lustre Will de Teto
Lustre Will de Teto
Lustre Will Duplo
Lustre Will Duplo
Lustre Zaztraz
Lustre Zaztraz
Lustre Zig II
Lustre Zig II
Luminárias para Teto
Luminárias para Teto
Lustre
Lustre
Lustre Meia Cara
Lustre Meia Cara

Há inúmeros modelos disponíveis no mercado. Para acertar na escolha é preciso ter em mente o cômodo em que será instalado e o seu estilo (contemporâneo, clássico, rústico, luxuoso, romântico, retrô etc.), de forma a garantir a harmonia na decoração.

A peça pode, ainda, ser feita sob medida, caso o proprietário do imóvel tenha uma demanda específica. É uma forma de ter um item exclusivo na casa.

As peças podem ser feitas com os mais variados materiais, como cristal, vidro, fibra, metais (cobre, por exemplo) etc. Modelos fabricados com garrafas PET, além de serem sustentáveis, deixam o ambiente descolado.

Lustres para todos os cômodos

Lustres são bem-vindos em todos os cômodos de uma casa. Em salas, se a peça for muito chamativa, é interessante combiná-la com cores neutras e artigos decorativos mais discretos. Já se o ambiente tiver cores fortes e muitos detalhes, ela deve ser básica. Assim, o equilíbrio é garantido.

Na sala de jantar e na cozinha, o lustre deve ter entre 30,5 cm e 38 cm de diâmetro e ficar entre 75 cm e 90 cm de distância do tampo da mesa (no centro dela). Se a mesa for bem grande, é possível colocar mais de uma peça, inclusive com modelos diferentes (mas do mesmo estilo).

Já em salas de estar e outros espaços livres, a distância entre o lustre e a cabeça das pessoas deve ser de, no mínimo, 30,5 cm, ou de pelo menos 2,13 m do chão.

Já em cozinhas e sacadas, é importante escolher um modelo sem muitos detalhes e fácil de limpar.

Para deixar um cômodo mais aconchegante, vale investir em lustres revestidos de tecido ou papel translúcido estampado, colorido ou com textura, que “escondem” a lâmpada e impedem a incidência direta da luz.

Tamanhos e formatos de Lustres

O tamanho do lustre deve ser proporcional ao do cômodo. Assim, cômodos pequenos combinam com modelos compactos, para que o espaço não pareça ainda menor. E cômodos amplos pedem peças grandes, pois as muito diminutas não serão percebidas.

Ambientes com pé-direito muito alto também exigem peças maiores.

Banheiros, cozinhas e corredores estreitos demandam lustres lineares, que garantam a proporcionalidade.

Instalação de Lustres 

O ideal é que a instalação de um lustre seja feita por um profissional capacitado. Outro ponto que merece atenção é o peso da peça, especialmente quando a fixação não é feita diretamente na laje, e sim em forros falsos.