Banner AECweb
menu-iconPortal AECweb

Boxe de banheiro: saiba instalar

Conheça os principais procedimentos para instalação de boxes frontais e evite problemas que podem comprometer a segurança dos usuários

Publicado em: 23/02/2015

Texto: Redação AECweb/e-Construmarket

instalação

A instalação de um boxe de banheiro exige precisão. Qualquer inconformidade durante o processo pode ser suficiente para que problemas indesejáveis apareçam. Porta travando ou fazendo barulho na hora de abrir, vidro bambo e infiltrações são exemplos de queixas. Em casos mais sérios, como no desalinhamento de eixos, o vidro pode sofrer tensões e estilhaçar com um simples contato, o que coloca a segurança dos usuários em risco.

De acordo com Jotanael Souza, técnico em vidros, uma instalação adequada pode evitar todos esses problemas, uma vez que a vida útil do vidro temperado e dos componentes de alumínio é imensurável. “Recomenda-se a manutenção preventiva das roldanas e batedores a cada seis meses”.

Além do convencional de vidro, os boxes também podem ser encontrados em acrílico e PVC. O material pode interferir no método de instalação, assim como o modelo (de canto, com porta de abrir, entre outros). A seguir você confere um passo a passo de como instalar um boxe frontal com uma folha fixa e outra móvel.

É BOM SABER – NORMA

Boxes fabricados a partir de painéis de vidro para uso em apartamentos, casas, hotéis e outras residências contam com norma regulamentadora. Trata-se da ABNT NBR 14207, de 2009, que especifica os requisitos mínimos, em termos de segurança, para os materiais utilizados no projeto e na instalação.

ANTES DE COMEÇAR

Segundo Valter Galdino, professor da Primeira Escola Técnica do Vidraceiro e membro do CB-37 da ABNT (Vidro Plano), o instalador deve tomar algumas precauções antes de começar a instalação. “É importante verificar com o cliente onde passam os encanamentos para não atingi-los durante a perfuração”, adverte.

Outro procedimento que deve ser feito antes de iniciar o serviço é conferir o kit de instalação que acompanha o boxe. O conjunto deve ter, de forma essencial, trilho superior, capa superior, guia de piso, guia da porta, click da guia de piso (perfil de acabamento), click do trilho superior, perfis U, pacote com roldanas, puxador, calços e batedores.

As ferramentas necessárias para instalação do boxe de banheiro são: arco de serra de dente fino, lima para acabamento, chave de fenda, chave Philips, chave Allen de 4 mm, furadeira, parafusadeira, broca de aço rápido de 6 mm, broca de vídeo de 6 mm, rebitadeira, vassourinha, trena, prumo de centro, nível de parede, aplicador de silicone e tubo de silicone.

É recomendável manter o vidro em um local seguro para evitar acidentes e organizar os acessórios e as ferramentas de instalação para otimizar o serviço. “Abra o kit com um estilete para não riscar os perfis de alumínio”, recomenda Galdino. O banheiro deve estar limpo e seco.

INSTALAÇÃO PASSO A PASSO

Passo 1: Guia de piso
Utilizando a trena, meça o vão (largura) do local onde o boxe será instalado, de extremidade à extremidade, para cortar a guia de piso na medida adequada. Após cortar e desbastar a guia de piso, faça as perfurações com a broca de aço rápido de 6 mm para o encaixe da peça e dreno da água. Com a broca de vídea de 6 mm, perfure o local de instalação da guia. Antes de parafusar, aplique silicone entre a guia e o piso para vedar o local. Recomenda-se a utilização de silicones acéticos ou antifungos, que impedem o acúmulo de gorduras e sujeiras.

Passo 2: Trilho superior
Colocada a guia, utilize a trena para marcar, do piso para cima, a altura do boxe nas paredes — 1.900 mm, conforme determina a norma. Em seguida, marque a linha do prumo de centro no eixo da guia de piso, abaixo da linha de 1.900 mm. Fure e parafuse o suporte do trilho (cantoneira) em cima da linha do prumo, na altura demarcada. Coloque os acabamentos no trilho superior e o encaixe nos suportes. Por fim, encaixe a trava de segurança no canal interno do trilho superior.

Passo 3: Perfis e vidro fixo
Corte um perfil U na medida entre o guia de piso e o trilho superior para encaixá-lo na parede com silicone. “Não perfure a parede. O perfil deve ser instalado sempre com silicone”, alerta Souza. Aproveite para cortar outro perfil U — desta vez, na medida entre o guia de piso e a trava de segurança — e encaixe-o na parede com silicone. Coloque os calços no vidro e insira-o, cuidadosamente, na estrutura. Para finalizar, coloque a guia da porta e os clicks na guia de piso e no trilho superior, que manterão o vidro fixo.

Passo 4: Porta
Parafuse as roldanas (duas) e o puxador na porta. Insira-a no trilho superior e leve-a até o perfil instalado na parede para regular o prumo por meio da roldana excêntrica. Feita a regulagem, fixe a roldana na porta e utilize silicone para colar o amortecedor dentro do perfil U que vai recebê-la. Instale com rebite um batedor no trilho superior e parafuse outro na guia de piso.

Passo 5: Finalização
Encaixe a capa no trilho superior para esconder as roldanas e os batedores. Limpe toda poeira em volta do boxe para fazer a vedação final com silicone, aplicando-o entre a guia e o piso, e entre as paredes e os perfis U. O boxe pode ser utilizado após 8 horas, contando do término da instalação.

Colaboraram para esta matéria

Jotanael Moreira de Souza – técnico em vidros e instrutor projetista com experiência de 25 anos na área vidreira. Atuou como medidor de obras, instalador de vidros, projetista, supervisor de produção de indústria de vidros e gerente comercial. Foi convidado a ministrar o Curso de Vidraceiro no SENAI, trabalhou como instrutor do curso Aplicação do Vidro na Construção Civil do SEBRAE-SP e criou o sistema de projetos para vidros (Projeto Certo). Atualmente presta consultorias e realiza cursos e treinamentos para ANAVIDRO.
Valter Galdino da Costa – profissional do segmento vidreiro há 20 anos. É professor da Primeira Escola Técnica do Vidraceiro, formado em Designer de Interiores pela ABRA (Academia Brasileira de Artes), estudante de Engenharia Civil, membro do CB-37 (Vidro Plano) da ABNT e sócio-proprietário da empresa Vidralum Soluções em Alumínio.